Ir direto para menu de acessibilidade.
café

Estudante de agronomia da UFLA vence Desafio Work&Play Satis

Escrito por Camila Caetano | Publicado: Terça, 20 Julho 2021 11:22 | Última Atualização: Quarta, 21 Julho 2021 13:46 | Acessos: 640
Gentileza solicitar descrição da imagem

Alberto Carlos Bittencourt Junqueira, estudante do 10º período do curso de agronomia da Universidade Federal de Lavras (UFLA), conquistou o segundo lugar na terceira edição do Desafio Work&Play Satis.

Com o tema “Quais são as possíveis alternativas de compostos promotores de crescimento e metabólitos no desenvolvimento cafeeiro?”, o trabalho de Alberto abordou a inoculação de fungos micorrízicos arbusculares (Rhizophagus clarus). “Esse fungo aumenta a área da raiz, facilitando a absorção do fósforo pela planta, o que vai permitir um maior crescimento de folhas e galhos, e por consequência haverá a produção de mais frutos. Minha proposta é que na hora da implantação da cultura do café no campo, seja feita a inoculação desse fungo no solo, juntamente com a adubação fosfatada e a matéria orgânica”, explica Alberto, orientado da professora Leila Aparecida Salles Pio (Departamento de Agricultura/DAG). 

O estudante ganhou um notebook Dell, além de ser contemplado com uma vaga de estágio na empresa Satis. “Ter a oportunidade de participar de um desafio com mais de 200 estudantes de várias universidades do País e conseguir representar a UFLA é um motivo de muita felicidade para mim; esse prêmio vem para mostrar que os cinco anos de estudo, dedicação e noites sem dormir não foram em vão e que valeram a pena. Só tenho a agradecer as oportunidades que a UFLA trouxe para minha vida, e tenho muita gratidão a todos os professores e amigos que conheci. Agora é me dedicar a esse estágio, colocar em prática os conhecimentos que adquiri na graduação, e tentar aprender cada vez mais”, comenta Alberto. 

Com a iniciativa, a Satis, empresa mineira especializada em soluções de nutrição vegetal, deseja fomentar atitudes empreendedoras entre estudantes universitários de graduação, desenvolver competências e aprimorar habilidades a partir da criação de soluções reais do seu campo de estudo. “Participar desse desafio foi uma experiência muito boa, que sem dúvida irá agregar muito na minha vida profissional. A premiação de 2º lugar foi conquistada através de muito estudo, leitura de artigos e apoio dos meus familiares”, relata Alberto.

WhatsApp Image 2021 07 20 at 16.07.40

  

 

Os professores Silvino Guimarães Moreira, coordenador do curso de agronomia; Rafael Pio, chefe do DAG, e Mário Lúcio Vilela Resende, receberam o troféu do Desafio pelo diretor presidente da Satis José do Nascimento.