Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Programa concederá até 100 bolsas de doutorado para estrangeiros - inscrições abertas

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Segunda, 24 Outubro 2016 11:03 | Última Atualização: Quinta, 20 Outubro 2016 09:14
internacionalizacaoJá estão abertas as inscrições para a seleção de candidaturas do Programa Estudantes-Convênio de Pós-Graduação (PEC-PG), entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o Ministério das Relações Exteriores (MRE) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Serão até 100 bolsas de estudo de pós-graduação, em nível de doutorado, em IES brasileiras públicas ou privadas, destinadas a cidadãos oriundos de países em desenvolvimento. O objetivo do programa é formar recursos humanos para que cidadãos oriundos de países em desenvolvimento, com os quais o Brasil mantém acordo de cooperação educacional, cultural ou de ciência e tecnologia, possam realizar estudos de pós-graduação stricto sensu em instituições de ensino superior brasileiras. Os interessados deverão se inscrever até 25/11, exclusivamente no endereço: http://inscricao.capes.gov.br/individual. O início das atividades acadêmicas está previsto para fevereiro de 2017. São itens financiáveis no âmbito do PEC-PG: Bolsa de doutorado com valor estabelecido na Portaria Conjunta Nº 1, de 28 de março de 2013, publicada no DOU de 3/4/2013. O benefício mensal será concedido pela CAPES, pelo o prazo máximo de 48 meses improrrogáveis, para este nível de estudo, com início da concessão contada a partir da primeira matrícula no curso e do envio de todos os documentos obrigatórios, salvo nos casos previstos na Portaria Nº 248, de 19/12/2011 e suas alterações. Passagem aérea de retorno à capital do país de origem ou de residência do estudante, concedida pelo MRE, caso conclua o doutorado com êxito, em classe e trecho mais econômicos. Quaisquer outros custos de conexões ou taxas serão de responsabilidade do estudante. Assistência médica, odontológica e farmacêutica, realizada pelo Sistema Único de Saúde – SUS, nos termos do convênio firmado entre o MRE e o Ministério da Saúde, em 25 de janeiro de 1994. Isenção de pagamento de mensalidades ou de qualquer espécie de taxa, no âmbito acadêmico. Não estão incluídos no PEC-PG o pagamento de traslados e/ou hospedagem de qualquer natureza, inclusive sob a forma de auxílio instalação, ao estudante selecionado e/ou a qualquer membro da família de estudante, quando de sua chegada ao Brasil. Confira aqui o edital completo Camila Caetano - jornalista/ bolsista UFLA. Fonte: Capes 

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.