Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Acessibilidade na Saúde em Atendimento aos Surdos- evento contará com apresentação de projeto extensão e palestras

Escrito por Camila Caetano | Publicado: Segunda, 19 Fevereiro 2018 17:14 | Última Atualização: Sexta, 23 Fevereiro 2018 16:34

Na próxima quinta-feira (5/10), a partir das 18h, a Coordenadoria de Acessibilidade, da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis e Comunitários (Praec) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), apresentará ​o Projeto Asas - Acessibilidade na Saúde em Atendimento aos Surdos, no anfiteatro do Departamento de Agricultura (DAG). Além da apresentação do projeto, o evento contará com diversas palestras de professores dos departamentos de Educação (DED), Ciências da Saúde (DSA), e Educação Física (DEF). Inscrições no canteiro central do câmpus.  O projeto de extensão será realizado na Escola Estadual Cinira de Carvalho (Lavras) e na UFLA, com o objetivo de capacitar os profissionais da área da Saúde, para que possam atender o paciente surdo com qualidade; além de conscientizar os profissionais e acadêmicos acerca das especificidades dos surdos e da cultura surda; contemplar demandas de direitos de acesso à informação e/ou atendimentos na área da saúde; e estimular a abordagem multiprofissional do paciente, integrando as diversas áreas do conhecimento. Inicialmente, será realizada a capacitação dos discentes envolvidos e pré-selecionados pelo projeto para que se tornem acessíveis em Libras. Posteriormente, os envolvidos no projeto atuarão na escola referenciada promovendo atividades integradoras e de acesso à informação e saúde por meio de palestras, seminários e workshops, contemplando, além dos alunos, os familiares e os funcionários da instituição. Concomitantemente, serão realizados eventos e feiras tanto na UFLA quanto em locais da cidade com ampla circulação. O coordenador do projeto, Welbert Sansão, intérprete de Libras, ressalta que a Secretaria Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência legitima a acessibilidade em espaços públicos. “Assim sendo, a maioria desses espaços deveriam desenvolver meios de cumprir o que é legitimado e ações que atendam as demandas com determinadas necessidades. A Língua Brasileira de Sinais é essencial na interação social para o surdo. Contudo, esse princípio tem sido uma barreira, tendo em vista que a maior parte da sociedade utiliza a língua oral. Nesse sentido, verifica-se a demanda da comunidade surda de Lavras e região e nota-se a ausência de profissionais capacitados pertencentes ao atendimento, evidenciando a debilidade constante no acesso à saúde”, destaca. Por isso, a necessidade de realizar ações ligadas à relação entre o profissional da saúde e o paciente surdo, visto ser um direito da pessoa surda. “Os resultados esperados são a mudança da perspectiva dos profissionais da área da saúde com relação aos surdos; o acesso ampliado à informação, educação e saúde; a conscientização popular; a melhoria familiar e a melhoria da qualidade de vida e atendimento a pessoa surda”, afirma Welbert. Programação completa do evento:

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.
Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
Coronavírus Covid-19: É importante de informar e prevenir. ufla.br/coronavirus
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.