Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

SNCT 2017: palestra aborda a psicologia do ser humano por trás da tomada de decisões econômicas

Escrito por Camila Caetano | Publicado: Domingo, 29 Novembro -0001 20:53 | Última Atualização: Quinta, 28 Junho 2018 16:56
Finalizando a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), ocorreu na última sexta-feira (27/10), no Centro de Convivência, a palestra “Prêmio Nobel na Economia 2017: psicologia do ser humano por trás da tomada de decisões econômicas”, ministrada pelo professor Ednilson Ávila, do Departamento de Administração e Economia (DAE/UFLA). O professor apresentou em sua palestra a teoria econômica comportamental de Richard Thaler, laureado pelo Premio Nobel de Economia de 2017. “Thaler é um dos pais da economia comportamental, que leva em consideração que as pessoas não são racionais o tempo todo. Já a economia neoclássica, que se tem hoje estabelecido, trata que as pessoas são racionais, sempre tomando a melhor decisão o tempo todo. Thaler vem para mostrar que não é bem isso, pois há fatores psicológicos que afetam as nossas decisões”, relata o professor. Ednilson conta que Thaler foi durante muito tempo “o patinho feio” nas Universidades, ficou três anos sem conseguir emprego, por conta dessa ideia revolucionária. Mas, a partir de um estudo que fez sobre o valor da vida, conseguiu um destaque com relação as suas ideias. “Ele não vem romper com a economia neoclássica, apenas com o pressuposto de que as pessoas são racionais. Um exemplo importante de aplicar a economia comportamental é você não levar em consideração a contabilidade mental que fazemos às vezes. Por exemplo, se você for até um banco e fizer um financiamento você não tem que analisar se aquela prestação cabe no seu orçamento, mas se vale a pena pagar todos os juros. Qual é a nossa tendência? Agir irracionalmente e olhar apenas se a parcela cabe na nossa renda e esquecemos-nos de analisar quanto efetivamente estamos pagando”, comenta o professor. O professor ressalta ainda que é importante que todos tenham conhecimento da Economia, pois diariamente estamos tomando decisões econômicas. “Vamos ter certo nível de irracionalidade, mas ainda assim vamos conseguir tomar as melhores decisões se tivermos conhecimento da Economia”, ressalta. Leia também:  SNCT 2017: professor explica pesquisa que recebeu Nobel de Química SNCT 2017: descoberta das ondas gravitacionais é tema de palestra na UFLA