Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Restaurantes de Lavras receberão Pint of Science, evento de divulgação científica, pela primeira vez

Escrito por Mateus Lima | Publicado: Terça, 20 Março 2018 11:27 | Última Atualização: Segunda, 27 Agosto 2018 14:34
Foto de divulgação demonstra o ambiente informal do Pint of Science

A cidade de Lavras receberá, pela primeira vez, o Pint of Science, um dos maiores de divulgação científica do mundo. Em 2018, o festival será realizado nos dias 14, 15 e 16 de maio, em 21 países e 56 cidades do Brasil.

O Pint of Science consiste em uma série de debates interessantes sobre as pesquisas científicas mais recentes, realizados em ambientes descontraídos como cafés, restaurantes e bares, em um formato aberto e acessível para o público. Por isso, o nome original do evento, em inglês, se refere a um tipo de copo comum para beber cervejas (pint); daí, o nome pode ser traduzido livremente como “Chope da Ciência”. No evento, pesquisadores deixam suas bancadas de laboratórios para ocupar mesas de bares e restaurantes, onde conversam sobre suas pesquisas com a população.

Em Lavras, a coordenação do Pint of Science é do professor José Alberto Casto Nogales Vera, do Departamento de Física da UFLA (DFI). Os bares e restaurantes que receberão o evento ainda estão sendo escolhidos, mas as temáticas na cidade já foram definidas: “Na nossa programação de Lavras teremos uma variedade fascinante de temas: ciência do café, cachaça e cerveja; nanotecnologia; biologia; medicina; Hospital-Dia Universitário de Lavras; inteligência artificial; robótica; Parque Tecnológico de Lavras (Lavrastec); satélites que detectam buracos negros; nano-satélites e muito mais”, adianta o professor Nogales.

Ele também reforça a oportunidade que o Pint of Science fornece para conhecer mais sobre assuntos instigantes e que são muito comentados, além de esclarecimento direto de dúvidas com quem faz ciência. Durante o festival, os pesquisadores conversam com o público descontraidamente e respondem perguntas. Não há formalidades como inscrição ou emissão de certificados, nem é preciso pagar entrada – apenas o que for consumido nos estabelecimentos que sediam o evento.

O Brasil foi pioneiro na realização do evento na América Latina, tendo sua primeira edição em 2015. No ano passado, o festival se espalhou por 22 cidades brasileiras e abordou temas como física quântica, big data, poeira estelar e buracos negros, entre outros.

Para a coordenadora do Pint of Science no País, Natalia Pasternak Taschner, o evento tem o objetivo de criar um canal de comunicação direto entre cientistas e sociedade, visando à difusão do conhecimento: “As pessoas querem saber, têm sede de ciência, e os cientistas querem falar”.

Pint of Science

  • Quando: 14 a 16 de maio
  • Onde: Lavras (locais a definir) e outras 55 cidades no Brasil, além de outros 20 países
  • Custo: não há inscrições. Basta ir ao local do evento para participar dos debates.
  • Mais informações: https://pintofscience.com.br