Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

DCC/Ufla promove 8.ª Semana da Computação

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Terça, 04 Novembro 2008 11:52 | Última Atualização: Terça, 04 Novembro 2008 11:52
Promover a atualização tecnológica e científica dos estudantes, este foi o objetivo da 8.ª Semana da Computação e Sistemas de Informação – SECOM 2008, realizada nos dias 3, 4 e 5 de novembro pela Universidade Federal de Lavras – Ufla, através do Departamento de Ciência da Computação – DCC.

 

O evento ofereceu aos participantes uma série de mini-cursos e palestras que apresentaram as inovações da área de Tecnologia da Informação, bem como a sua crescente influência no mercado de trabalho dos dias atuais.

 

A Semana, que acontece anualmente, atende não somente aos interesses dos estudantes de graduação da Ufla, mas também à comunidade local e regional de estudantes e profissionais da área. “São três dias intensos, de palestras e cursos, abertos a todos, que visam mostrar o mercado de trabalho e as múltiplas áreas na qual a computação e os sistemas de informação podem ser aplicados”. Afirmou Nestor Vicente Soares Netto, Graduando em Ciência da Computação e um dos organizadores do evento.

 

O SECOM 2008 discutiu as principais aplicações da Tecnologia da Informação em diversas áreas do conhecimento, tais como a manutenção de software, uso computacional na saúde, programação em Java e arquitetura da informação. Segundo André Vital Saúde, Chefe do DCC/Ufla, a Semana da Computação é importante para mostrar aos estudantes e profissionais como está o mercado de trabalho para a área: “a ciência da computação e os sistema de informação estão presentes na vida de todos os profissionais, por isso trouxemos pesquisadores de outras instituições pra falar como é a realidade do profissional nessa área”. Concluiu.