Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Por um futuro melhor

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Segunda, 27 Abril 2009 07:48 | Última Atualização: Segunda, 27 Abril 2009 07:48

Capacitar jovens e adultos de famílias de baixa renda. Este é o objetivo do projeto “Galpão Cidadão: potencializando jovens e adultos para o emprego, renda e cidadania na horticultura familiar e informática básica”, desenvolvido pela Universidade Federal de Lavras (Ufla) em parceria com a Fundação Pe. Dehon, com o apoio da Petrobras. As atividades visam ao aproveitamento econômico de quintais de suas residências, com o cultivo orgânico de hortaliças voltadas para o comércio local e o consumo familiar, bem como a profissionalização na utilização, montagem e manutenção de computadores, numa perspectiva de geração de renda, melhoria do estado nutricional e de aumento da potencialidade dos participantes para o mercado de trabalho.

De acordo com o coordenador do projeto, professor Elias Rodrigues de Oliveira, do Departamento de Administração e Economia (DAE), as atividades estão focadas na construção de novos saberes, a partir do conhecimento que cada participante possui sobre os temas trabalhados. As capacitações oferecidas envolvem professores e equipes de estudantes da Ufla, de diversos cursos, principalmente das áreas de Agronomia e Ciência da Computação. “As ações educativas têm se desenvolvido de modo participativo, numa perspectiva empreendedora, cooperativa e solidária, buscando potencializar agentes e sinergias para o desenvolvimento humano, valorizando o saber, as habilidades e o interesse individual e coletivo dos participantes”, diz o professor.

O público alvo deste projeto são jovens, a partir de 17 anos, e adultos de famílias com maior carência financeira, buscando potencializá-los para o trabalho e geração de renda numa perspectiva de cidadania plena. No início de março, a segunda turma do projeto começou suas atividades, mas os interessados já podem se inscrever, na sede do Galpão Cidadão, no Bairro Aquenta Sol, para as turmas que serão abertas em maio e julho. O projeto oferece dois cursos. O de Informática é oferecido de segunda à sexta-feira, das 07h às 11h e das 13h às 17h, podendo o participante optar por um dos dois horários. Já o curso de Horticultura acontece aos sábados, das 13h às 17h, podendo, em casos especiais, ser realizado nas comunidades, em parceria com associações de moradores, escolas e outras organizações sociais.

O coordenador do projeto destaca que o apoio de diversos departamentos da Ufla foi de fundamental importância para o sucesso do Galpão Cidadão. “Contamos com o decisivo apoio do professor José Monserrat Neto, que coordena o curso de Informática, e dos professores Luiz Antônio Augusto, do Departamento de Agricultura (DAG), Eduardo Villas Boas e Andréia Andréia Luiza Ramos Pereira Xisto, ambos do Departamento de Ciências dos Alimentos (DCA), que colaboram no curso de horticultura com conteúdos sobre processamento mínimo de hortaliças”.

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.
Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
Coronavírus Covid-19: É importante de informar e prevenir. ufla.br/coronavirus
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.