Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Ufla integra equipe em projeto de melhoramento genético de pêra

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Sexta, 23 Abril 2010 06:25 | Última Atualização: Sexta, 23 Abril 2010 06:25

O cultivo da pera (Pyrus communis e Pyrus piryfolia) no território nacional ainda se encontra incipiente, o que faz do Brasil o 2º maior importador mundial da fruta. Um dos maiores entraves encontrados para o avanço dos plantios em regiões frias e regiões dotadas de pouco frio invernal são as variedades disponíveis para o cultivo brasileiro.

 

Dentro disso, uma opção para os fruticultores mineiros seria o plantio de cultivares híbridas entre Pyrus communis x Pyrus piryfolia, peras mais crocantes e polpa mediamente macias, além de serem cultivares que necessitam de pouco frio no inverno.

 

Ciente da necessidade de intensificar os trabalhos de melhoramento genético, a Embrapa Uva e Vinho (Bento Gonçalves-RS) e a Embrapa Clima Temperado (Pelotas-RS) aprovaram recentemente o projeto "Desenvolvimento de cultivares para a viabilização da cultura da pereira no Brasil", do qual fazem parte 36 pesquisadores brasileiros entre eles o prof. Rafael Pio, do Departamento de Agricultura, único representante de Minas Gerais.

 

Segundo o prof. Pio, "essa parceria com as Embrapas, UFPel, Udesc, Epagri, IAC, Fepagro e Ufla é de suma importância para nossa universidade, uma vez que estaremos implantando, ainda esse ano, uma coleção de cultivares no Setor de Fruticultura e possivelmente faremos teste de seleções varietais, o que poderá nos auxiliar nas futuras hibridações a campo, com o intuito de lançar, no futuro, novos cultivares de pera adaptados as nossas condições climáticas".

 

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.