Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Núcleo de Estudos da UFLA promove oficina de Comercialização na Agricultura Familiar

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Quarta, 13 Julho 2011 06:42 | Última Atualização: Sexta, 08 Julho 2011 13:21
O Núcleo de Estudos em Agroecologia, Permacultura e Extensão Inovadora (Neape), do Departamento de Engenharia (DEG) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), promoverá neste sábado (9) a oficina "Comercialização na Agricultura Familiar", no município de Carrancas, Sul de Minas. A oficina receberá agricultores de Carrancas e Luminárias e terá início às 7h, na Escola Municipal Maria das Graças. O evento é uma das ações do projeto “Capacitação de Agricultores Familiares, Inovação Tecnológica e Comercialização de Hortifrutigranjeiros no Sul de Minas Gerais”, coordenado pelo professor Ricardo Pereira Reis, do Departamento de Administração e Economia (DAE), com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O objetivo desta oficina é promover a capacitação de agricultores familiares para a comercialização de suas culturas, de acordo com o estabelecido pela Lei nº. 12.188/2010, conhecida como nova PNATER, que institui a Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural para a Agricultura Familiar e Reforma Agrária. O organizador do evento, professor Gilmar Tavares (DEG), afirmou que, a partir da aplicação do projeto, está havendo melhoria progressiva na produção das famílias de agricultores, com reflexos positivos na rentabilidade da atividade agrícola e na consciência socioambiental. “Conseguimos obter resultados significativos, unindo o que é ecologicamente correto, socialmente justo e culturalmente adequado ao economicamente viável”, enfatizou. Apelo social - O programa de capacitação e transferência de tecnologia aos agricultores familiares tem o objetivo de contribuir para reverter a crescente perda de qualidade nos indicadores socioeconômicos do setor agropecuário, principalmente entre o segmento familiar. A necessidade de capacitação e alternativas de renda para a atividade foi identificada, principalmente, por meio do projeto intitulado “Avaliação de Políticas Públicas e Programa de Desenvolvimento Regional: Estudos Multicasos nas Mesorregiões Campo das Vertentes e Sul/Sudoeste de Minas Gerais”, financiado pela Fapemig e “Ação Juventude Rural – Mobilização de Jovens Rurais como Replicadores e Multiplicadores de Alternativas que Promovam Desenvolvimento Local, Através do Acesso à Informação e Integração com a Universidade”, financiado pelo CNPq.