Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Simpósio discute o uso da tecnologia no ensino

Publicado: Terça, 08 Janeiro 2013 12:40 | Última Atualização: Segunda, 10 Outubro 2011 13:23
Durante o simpósio Tendências, no dia 7 de outubro, professores, estudantes e pesquisadores debateram o uso de novas tecnologias no ensino, especialmente das ciências Física e Matemática. O evento foi realizado no auditório do Departamento de Ciências Exatas da UFLA e reuniu participantes vindos de diversas universidades, sendo uma ação extensiva ao Congresso Brasileiro de Ensino Superior a Distância (Esud), ocorrido em Ouro Preto de 3 a 5 de outubro. O simpósio trouxe o professor da Universidade do Colorado (EUA) Noah Podolefski, que apresentou o projeto Physics Educational Technology (PhET). O PhET tem como iniciativa o desenvolvimento de softwares simuladores interativos para aprimorar o aprendizado, especialmente a distância, de várias disciplinas: Física, Química, Matemática, Biologia e Ciências da Terra. Podolefski ressaltou que os softwares são disponibilizados, depois de intensivos testes, gratuitamente na internet. O endereço eletrônico do projeto, em português, é: http://phet.colorado.edu/pt_BR/. A professora Eliane Veit (UFRGS) e o professor Nelson Studart (UFSCar) também apresentaram palestras durante o simpósio. Ambos abordaram o ensino da Física - Eliane falou sobre o uso da modelagem computacional e Nelson abordou o Portal PION (http://pion.sbfisica.org.br/), que disponibiliza material didático, imagens, vídeos, simulações educativas e outros recursos relacionados à Física e ao seu ensino. O organizador do simpósio, professor do Departamento de Ciências Exatas Ulisses Azevedo Leitão, avaliou que “foi um momento muito produtivo de debate sobre a tecnologia no ensino, contando com autoridades brasileiras da área (Eliane Veit e Nelson Studart) e com grande participação do público, inclusive nos momentos de perguntas”, afirmou. Ainda durante o simpósio, estudantes que desenvolvem trabalhos incorporando novas tecnologias no ensino tiveram a oportunidade de relatar suas experiências na pesquisa e em sala de aula.  

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.