Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

CNPq recebe inscrição para o Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica

Escrito por Cibele | Publicado: Segunda, 23 Fevereiro 2015 13:32 | Última Atualização: Quarta, 27 Junho 2012 12:15
Cibele Aguiar
Segue até o dia 20 de agosto as inscrições para o "Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica", com os objetivos de premiar os trabalhos de destaque entre os bolsistas de Iniciação Científica do CNPq, sob os aspectos de relevância e qualidade do seu relatório final de pesquisa, e as instituições participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) que contribuíram de forma relevante para o alcance das metas do Programa. Em 2012 o Prêmio foi ampliado, passando a ser denominado "Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica", alinhado com as prioridades governamentais de incentivo à inovação tecnológica. Para tanto, foi criada uma nova categoria, denominada "Bolsista de Iniciação Tecnológica", compreendendo bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Tecnológica (Pibiti) e de Iniciação Tecnológica Industrial (ITI). O Prêmio é entregue na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e conta com a parceria da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e da Academia Brasileira de Ciências (ABC), proporcionando ao Prêmio maior visibilidade, notadamente, junto à comunidade acadêmica e aos universitários brasileiros. Histórico de reconhecimento A Universidade Federal de Lavras (UFLA) foi a vencedora da edição 2007, no 5º Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica, categoria mérito institucional. Neste mesmo ano, a estudante da UFLA Elaine Inácio Pereira foi a vencedora da categoria Ciências Exatas, da Terra e Engenharia, com o trabalho Produção de carvão ativado (CA) com elevada área superficial: remoção de poluentes de afluentes aquosos. Em 2010, a estudante Nayara Teodoro do Prado também conquistou a terceira colocação na mesma categoria, com o trabalho intitulado Tratamento dos rejeitos sólidos da indústria do couro contendo cromo: uso como fonte orgânica de nitrogênio para a agricultura.