Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

UFLA doa coleção de peixes para o Centro de Educação Ambiental - Ecolândia

Publicado: Quarta, 03 Dezembro 2014 05:44 | Última Atualização: Sexta, 03 Agosto 2012 12:38
Cibele Aguiar
Nessa quinta-feira (2), professores da Universidade Federal de Lavras (UFLA) realizaram a doação de uma coleção de peixes da bacia do Rio Grande para a exposição permanente do Centro de Educação Ambiental da 6ª Cia de Polícia Militar – Ecolândia.  A oferta foi realizada pelo professor Paulo dos Santos Pompeu, coordenador da Pós-Graduação em Ecologia Aplicada e do Grupo de Pesquisa em Ecologia e Revitalização de Ambientes Aquáticos e pela professora e bióloga Nara Tadini Junqueira, coordenadora do projeto “Pescadores do Saber”, realizado pela UFLA com o apoio da Cemig, por meio do Programa Peixe Vivo. O Laboratório de Ecologia de Peixes da UFLA, sede do grupo de pesquisa em Ecologia e Revitalização de Ambientes Aquáticos, objetiva o desenvolvimento de recursos humanos e realização de pesquisas na área de Ecologia de Peixes e Conservação de Ambientes Aquáticos continentais. Entre as linhas de pesquisa prioritárias estão o levantamento e descrição da biodiversidade, a avaliação e mitigação de impactos sobre a ictiofauna e o desenvolvimento de índices de integridade biótica. Visite a página do laboratório pelo link http://www.dbi.ufla.br/ecopeixes/. Assista ao vídeo Minuto do Câmpus sobre as atividades do Grupo. A doação faz parte da parceria entre a UFLA e a 6ª Cia PM Ind MAT e, de acordo com o capitão Ageu Evangelista Ferreira, o projeto de educação ambiental da Ecolândia dará um salto de qualidade, propiciando uma nova gama de saber para a população local e regional. Inaugurada em 2006 e localizada no complexo da 6ª RPM, junto à sede da 6ª Cia PM Ind MAT, a Ecolândia possibilita ao visitante adquirir e formar conhecimentos socioambientais, absorver o sentido dos valores, o interesse ativo e as atitudes necessárias para proteger e melhorar o meio ambiente. A visita inclui o passeio por dois lagos com ponte suspensas, trilha pelo resquício de mata atlântica e cerrado, exposição permanente com animais taxidermizados, serpentário, playground e uma sala de projeção onde são realizadas palestras com temas variados.  Agendamento para as visitas: 35-3829-2108, das 8h30 às 12 horas e das 14 h às 18 horas.