Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Estudos realizados na UFLA sobre segurança alimentar atraem a atenção de diversos países

Publicado: Sexta, 28 Novembro 2014 08:20 | Última Atualização: Quarta, 03 Outubro 2012 12:03
Cibele Aguiar
[caption id="attachment_14928" align="alignright" width="249" caption="Participantes da Conferência Internacional sobre Segurança Alimentar realizada em 2011 na China e que teve a UFLA como única representante da América do Sul, no lançamento da Aliança Internacional para Segurança Alimentar (International Food Security Alliance)."][/caption] O professor da Universidade Federal de Lavras (UFLA) Luiz Roberto Guimarães Guilherme, do Departamento de Ciência do Solo (DCS), tem sido um embaixador da Universidade em eventos internacionais, sendo frequentemente convidado para falar da experiência brasileira no uso de fertilizantes, segurança alimentar e manejo da fertilidade de solos tropicais. Nos últimos meses, o professor proferiu palestras em eventos na Europa, Ásia, África, América do Sul, América Central e Oriente Médio. Recentemente, o professor Luiz Roberto participou do 3º Encontro Anual da Gulf Petrochemicals and Chemicals Association (GPCA) - “The 3rd Annual GPCA Fertilizer Convention”, evento organizado pela GPCA e pelo CRU Group, grupo de experts mundiais em assuntos relacionados à mineração, metais e fertilizantes, com sede em Londres. Nesse evento, realizado em Dubai, o professor atuou como debatedor do painel “Fertilizers - Food - Agriculture: Working Together to Ensure Sustainability” e como palestrante sobre as perspectivas para o mercado de fertilizantes no Brasil e na América do Sul. Na ocasião, o professor Luiz Roberto aproveitou para apresentar parte dos resultados de pesquisa e tratar de assuntos de interesse de uma das redes de pesquisa sob sua coordenação – Rede AgroMetais – dedicada ao estudo da qualidade de produtos agrícolas e da segurança alimentar no Brasil. Essa Rede de Pesquisa conta com o apoio de Fapemig e CNPq, com recursos do Edital Repensa (R$ 914.532,00), para pesquisas que envolvem elementos-traço em solos, insumos e produtos colhidos. De acordo com o professor, esses estudos são de grande relevância no contexto do manejo da fertilidade do solo no Brasil, já que os fertilizantes são vistos hoje não somente como essenciais na garantia de produções agrícolas e produtividades, mas também como fonte difusa de elementos-traço em áreas agrícolas, elementos esses que podem ser tanto essenciais, quanto contaminantes. Referência nacional O professor Luiz Roberto participa das discussões da comunidade internacional acerca das regulamentações pertinentes aos limites para elementos-traço contaminantes em fertilizantes, incluindo a regulamentação no Brasil, por meio da Instrução Normativa 27/2006, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que está em processo de revisão. Ele explica que elementos essenciais, como o zinco, são cada vez mais estudados, não somente do ponto de vista da nutrição de plantas, mas também da saúde humana, dada a sua carência generalizada em cerca de um terço da população mundial. Além da participação no evento em Dubai, o professor Luiz Roberto participou de outros eventos organizados pelo CRU Group, em Bruxelas (2010), bem como no Marrocos e na Argentina (2012). Em todos estes eventos, o professor Luiz Roberto teve como coautores de suas palestras o professor emérito da UFLA Alfredo Scheid Lopes, um dos maiores especialistas em manejo de solos tropicais no mundo, bem como membros da Diretoria Executiva da Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda), entidade que congrega as maiores empresas do setor de fertilizantes no Brasil e com a qual os professores Luiz Roberto e Alfredo trabalham em estreita parceria há mais de 25 anos. Outras palestras envolvendo o uso de fertilizantes, manejo da fertilidade de solos tropicais e segurança alimentar foram apresentadas pelo professor Luiz Roberto em El Salvador (2010) e na China (2011); neste último evento, a UFLA esteve representada também pelo seu diretor de Relações Internacionais, Antonio Chalfun Junior, e pelo professor Luís Roberto Batista, do Departamento de Ciências dos Alimentos (DCA), em uma conferência que marcou o lançamento da Aliança Internacional para Segurança Alimentar (International Food Security Alliance), coordenada pela Lancaster University, instituição com a qual a UFLA possui estreita colaboração internacional.  

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.