Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Diretor do Instituto Tecnológico Vale visita a UFLA para ampliar parcerias

Publicado: Quinta, 20 Novembro 2014 09:14 | Última Atualização: Quarta, 14 Novembro 2012 10:57
Cibele Aguiar
Com sede no Brasil e operações, escritórios, explorações e joint ventures espalhados pelos cinco continentes, a Vale é a segunda maior mineradora do mundo. [caption id="attachment_16354" align="alignright" width="249" caption="Luiz Mello com o professor Luiz Roberto no Laboratório de Geoquímica Ambiental/DCS"][/caption] Um conjunto de linhas de pesquisas que tem destacado a Universidade Federal de Lavras (UFLA) em diferentes áreas do conhecimento, em especial com foco em recursos naturais e biodiversidade, foi apresentado ao diretor do Instituto Tecnológico Vale (ITV), Luiz Eugênio Mello, em reunião que reforçou a importância das parcerias com as comunidades científicas em um modelo de inovação aberta e formas de ampliar a cooperação já existente com a Universidade. Professores e estudantes de pós-graduação da UFLA participaram da reunião, realizada nessa segunda-feira (12), no anfiteatro do Setor de Hidráulica. Luiz Mello estava acompanhado do professor emérito da UFLA José Oswaldo Siqueira, pesquisador do ITV, na área de tecnologia de produção de fertilizantes. A vice-reitora, professora Édila Vilela de Resende von Pinho, fez a abertura da reunião, destacando a política de inovação da UFLA, que abre suas portas para parcerias público-privadas em consonância com as tendências globais de expandir a função da universidade com vistas a transformar o conhecimento em produtos, novos negócios e soluções que a sociedade demanda. Em seu pronunciamento, ela reforçou a atuação do Núcleo de Inovação Tecnológica (Nintec), da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica (Inbatec) e do Parque Científico e Tecnológico de Lavras (LavrasTec), que será construído no câmpus da Universidade. [caption id="attachment_16355" align="alignleft" width="249" caption="Vice-reitora, prof. Édila von Pinho, apresenta políticas de inovação da Universidade"][/caption] O pró-reitor de Pesquisa, professor José Maria de Lima, apresentou breve contextualização da atuação de mais de 100 grupos de pesquisa na UFLA e enfatizou o potencial de novas parcerias para agregar conhecimento aos projetos da Vale, que têm como foco ações de sustentabilidade. Além das apresentações, Luiz Mello visitou o Laboratório de Estudos e Projetos em Manejo Florestal - LEMAF, no Departamento de Ciências Florestais e laboratórios do Departamento de Ciência do Solo (DCS), onde são desenvolvidos projetos em parceria com a Vale. Linhas estratégicas de pesquisa A professora Soraya Alvarenga Botelho, pró-reitora de Graduação, apresentou as linhas de pesquisa e projetos que consolidaram a atuação do Departamento de Ciências Florestais (DCF); o professor Júlio Neil Cassa Louzada apresentou as linhas prioritárias do Departamento de Biologia (DBI) e, as pesquisas que envolvem as dinâmicas de recursos hídricos em áreas de mineração foram apresentadas pelo professor Luiz Antônio Lima, do Departamento de Engenharia (DEG). O professor Luiz Roberto Guilherme apresentou os projetos já desenvolvidos em parceria com a Vale: Recuperamina, AgroSiCa e Terras Raras, que envolvem grande equipe de pesquisadores e estudantes de pós-graduação da UFLA e de outras instituições no Brasil e no exterior. Nos projetos AgroSiCa e Terras Raras, a UFLA já conta com um pesquisador assistente do ITV, Sílvio Ramos, atuando como colaborador exclusivo nas pesquisas do DCS.    Os projetos atraíram a atenção do diretor do Instituto, que também destacou a infraestrutura dos laboratórios, a interação do corpo docente e o ambiente de inovação percebido em diferentes setores e linhas de pesquisa da Universidade.  [caption id="attachment_16367" align="alignright" width="249" caption="Oportunidade para professor e estudantes conhecerem rede de interações do Instituto Tecnológico Vale"][/caption] “Vejo grandes oportunidades de parceria, além daquelas que já são trabalhadas com a UFLA”, afirmou Luiz Mello, professor, pesquisador 1A do CNPq e médico neurofisiologista que compreende os desafios dos dois meios, acadêmico e empresarial, tendo exercido o cargo de pró-reitor de Graduação da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).    Prêmio Vale-Capes Luiz Mello ressaltou a parceria da Vale com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na edição 2012 do Prêmio Vale-Capes Ciência e Sustentabilidade, que vai selecionar dissertações de mestrado e teses de doutorado defendidas no Brasil em 2011. Após a pré-seleção, os trabalhos devem ser indicados pelo coordenador do programa de pós-graduação, que será responsável pela inscrição na Capes, até o dia 26 de novembro. Serão selecionados e premiados quatro autores (Mestrado) e quatro (Doutorado) nas seguintes áreas: redução do consumo de água e energia; redução de gases do efeito estufa (GEE); aproveitamento, reaproveitamento e reciclagem de resíduos e/ou rejeitos e tecnologia socioambiental, com ênfase no combate à pobreza. Os trabalhos serão selecionados por uma comissão formada por membros do ITV e da Capes. [nggallery id=113]      

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.