Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Estudante de Sistemas de Informação projeta site para desenvolvimento colaborativo de aplicativos

Publicado: Segunda, 30 Setembro 2013 13:05 | Última Atualização: Quarta, 25 Setembro 2013 14:57
CeedParticipante do programa Ciência Sem Fronteiras, o graduando em Sistemas de Informação na UFLA Vinícius Benitez Maretti é um dos responsáveis por um projeto que pretende reunir desenvolvedores de aplicativos e jogos para colaboração. Ceed é o nome desse projeto, que consistirá em um espaço virtual onde desenvolvedores poderão cadastrar ideias e projetos, e encontrar pessoas com habilidades para auxiliá-los, que se interessem pelas ideias. Vinícius faz parte de seu curso na Monash University, na Austrália. O conceito do Ceed foi criado durante uma disciplina que propunha aos alunos montarem uma empresa de tecnologia da informação conforme o conteúdo apresentado nas aulas. O grupo, composto por Vinícius mais três colegas, decidiu formular uma plataforma de desenvolvimento colaborativo para aplicativos e jogos, trabalhando em diversas fases do produto: pesquisa com o consumidor, produto mínimo viável e marketing. [caption id="attachment_26287" align="alignleft" width="249"]O estudante de Sistemas de Informação, Vinícius Maretti O estudante de Sistemas de Informação, Vinícius Maretti[/caption] “Após algumas semanas, nos demos conta que a ideia era muito interessante e que todos gostariam de seguir em frente, mesmo após o fim do semestre. Desde então temos participado de eventos, conversado com desenvolvedores em Melbourne, criamos uma landing page e nos inscrevemos para alguns programas de empresas juniores na Austrália. Inclusive, algumas pessoas já nos procuraram, interessadas em começar a usar nosso serviço”, conta o estudante. Outro motivo para o empenho é que, se o projeto for considerado o melhor apresentado durante a disciplina, o grupo poderá competir em uma incubadora de empresas que auxilia startups selecionadas. A aparência inicial do website está sendo projetada, assim como as necessidades dos desenvolvedores estão sendo estudadas para o lançamento. “Queremos oferecer uma plataforma onde os desenvolvedores possam compartilhar suas ideias (caso queiram) e receber feedback sobre elas, bem como construir uma comunidade de fãs, que mais tarde poderão se tornar consumidores”, diz Vinícius. O termo Ceed faz menção às palavras exceed e succeed (ultrapassar, levar a ideia adiante, passando da concepção; e obter êxito, respectivamente, em tradução livre). Além disso, é pronunciada exatamente como seed (semente) e, assemelhando-se a essa palavra, a ideia do site foi plantada e está sendo cultivada. Para quem quiser acompanhar o seu crescimento e frutos, é possível acessar o site: http://ceed.launchrock.co/.  

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.