Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Produção de doces foi tema da III Capacitação do Projeto Marolo, realizada na UFLA

Escrito por Ana Eliza Alvim | Publicado: Quinta, 28 Agosto 2014 14:37 | Última Atualização: Terça, 26 Agosto 2014 14:59
image009Maracujá, goiaba e marolo foram frutas utilizadas, na tarde de sexta-feira (22/8), nas atividades do Laboratório Nutrição e Dietética do Departamento de Ciência dos Alimentos (DCA). Elas foram matérias-primas para produção de doces, nas versões tradicional e light, durante capacitação dos agricultores familiares de Três Pontas (MG). O grupo – pertencente à Associação dos Agricultores Familiares do Quilombo Nossa Senhora do Rosário de Três Pontas (AQUI3P) – esteve na UFLA para mais uma da série de capacitações pelas quais vêm passando seus membros, com o objetivo de se tornarem aptos a atuar na agroindústria fundada pela própria Associação.image001 Com atividades teóricas no período da manhã e práticas à tarde, o seminário de capacitação foi conduzido pelas mestrandas do DCA Taísa Rezende Teixeira Faria, Daniela Maria Rodrigues e Rafaela Correa Pereira, com o apoio da graduanda Letícia Campos. Depois de já terem sido capacitados, em outras datas, com informações sobre panificação, higienização de maquinários e cuidados para evitar contaminações microbiológicas, os integrantes da AQUI3P terão como tema do próximo encontro na UFLA as polpas de frutas e o licor de marolo. A parceria dos agricultores com a Universidade estabeleceu-se a partir do trabalho da ONG Engenheiros Sem Fronteiras (ESF - Núcleo Lavras), coordenada pelo professor do Departamento de Engenharia (DEG/UFLA) Gilmar Tavares. Vinte e cinco membros dos ESF - que são também estudantes de diferentes cursos da UFLA, como Engenharia Florestal, Engenharia Agrícola, Engenharia de Alimentos, Administração e Engenharia Ambiental – estão envolvidos no image002“Projeto Marolo”. Esse projeto, desenvolvido em conjunto com a AQUI3P, visa ao incentivo do cultivo do fruto, característico do Cerrado, na região de Três Pontas, assim como seu beneficiamento e aproveitamento para comercialização.   PARA AVANÇAR NO PROJETO Membros dos ESF participaram de Seminário em Belo Horizonte – intenção é apoiar a agricultura familiar [caption id="attachment_52109" align="alignright" width="249"]marolo-seminario-bh Membros dos ESF em Seminário (Belo Horizonte).[/caption] Nos dias 29/7 e 30/7 três membros dos ESF participaram, em Belo Horizonte, do "Seminário Regional Sudeste - Capacitação de Multiplicadores em Desenvolvimento Sustentável e Adequação Ambiental na Agricultura Familiar", promovido pela Agência de Desenvolvimento Regional do Extremo Oeste do Paraná (Adeop) , com apoio do Ministério do Meio Ambiente e da Educare Turismo e Educação Ambiental. O Seminário reuniu lideranças dos quatro estados do Sudeste, que lidam com agricultura familiar e desenvolvimento agrário sustentável. O objetivo foi a formação de uma rede de multiplicadores que possa buscar melhorias e unificar reivindicações capazes de fortalecer a agricultura familiar no Brasil. O coordenador do projeto Marolo no grupo ESF, Tiago Henrique da Silva, diz que os trabalhos desenvolvidos durante o evento podem ajudar no aperfeiçoamento das atividades que vêm sendo feitas com a AQUI3P. Os membros dos ESF Maria Alvarenga, Bruno Procópio Lage e Tiago Henrique da Silva representaram em Belo Horizonte não só a ONG da qual fazem parte, mas a Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (Incubacoop/UFLA) e a Associação dos Agricultores.

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.