Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Dia de Campo de Fruticultura abordou a cultura do pessegueiro

Escrito por Ana Eliza Alvim | Publicado: Segunda, 20 Outubro 2014 12:32 | Última Atualização: Sexta, 17 Outubro 2014 14:52
image009Foi realizado no dia 7/10 o V Dia de Campo de Fruticultura, evento no qual estudantes e profissionais atuantes na área obtiveram informações referentes à cultura do pessegueiro, com palestras ocorrendo no Departamento de Agricultura (DAG) e no Pomar da Universidade Federal de Lavras (UFLA). Na palestra realizada no DAG foi abordada a temática “Cultivares de pessegueiros para a Serra da Mantiqueira”.  Segundo o professor do DAG Rafael Pio, o V Dia de Campo foi importante para os estudantes. “O evento contribuiu, sobretudo, no detalhamento dos cultivares de pessegueiros para a Serra da Mantiqueira e do Alto Rio Grande.” O Dia de Campo também contou com a presença de estudantes do Instituto Federal de Muzambinho (MG), que demonstraram interesse pelo tema tratado e trocaram experiências com os demais participantes. “A troca de experiências é importante, até porque muitos estudantes pretendem fazer estágio e mestrado na UFLA”, disse o professor e responsável por organizar a viagem do grupo de Muzambinho, Paulo Sérgio de Souza. Ele relatou o que lhe motivou a participar do Dia de Campo: “Minha vinda para cá foi com o objetivo de colher informações e planejar o experimento que pretendo montar, com pêssegos.” No Pomar, o professor Rafael Pio (DAG) fez a apresentação dos cultivares que podem ser explorados em Lavras (MG), passando informações sobre as formas de plantação e o clima em que cada espécie consegue se adaptar melhor. O estudante de Agronomia da UFLA Marcos Vinícius disse que é importante sair da sala de aula. “É bom sair da sala de aula, pois tem muita coisa que se aprende com a prática, como o sistema de produção.” Ele afirmou que foi possível aprofundar seus conhecimentos na cultura do pessegueiro. “Também foi relevante a troca de experiência com professores e alunos, além de outras informações específicas a que tivemos acesso.” Os participantes do evento puderam, ainda, experimentar diversas espécies de frutas de polpa branca e amarela. O V Dia de Campo fez parte da programação do II Simpósio Sul Mineiro de Fruticultura, organizado na UFLA pelo Núcleo de Estudos em Fruticultura (Nefrut) entre os dias 6/10 e 10/10. Números do IBGE Segundo dados do IBGE, no Brasil há 19.199 hectares de produção de pêssego, sendo que Minas Gerais conta com 927 hectares. O sul do estado mineiro é responsável por 605 hectares e a região dos Campos das Vertentes possui 257 hectares. As cidades mineiras que se destacam na produção de pêssego são: Itajubá (365 hectares), Barbacena (235 hectares), Poços de Caldas (122 hectares) e São João del Rei (20 hectares). Lavras conta com apenas 2 hectares.
Texto e fotos: Leonardo Assad, jornalista - bolsista Ascom.