Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

II Simpósio Sul-Mineiro de Doenças Negligenciadas começa nesta quinta (19/3)

Publicado: Sexta, 20 Março 2015 04:54 | Última Atualização: Quarta, 18 Março 2015 13:00
simposio-2-doencas-negligenciadasDe 19 a 21 de março de 2015, o II Simpósio Sul-Mineiro de Doenças Negligenciadas será realizado no Salão de Convenções da UFLA, englobando conferências, oficinas, mesas-redondas e apresentações de pôsteres sobre atualidades a respeito do tema. No evento, serão abordadas doenças como ebola, esquistossomose, malária, doença de Chagas, toxoplasmose, amebíase, zoonoses em comunidades indígena e dengue. Vacinas e indústria farmacêutica também constam como temas discutidos. A programação contará com a participação de pesquisadores de diversas instituições, entre elas: USP, UFMG, UEL, Ufam, Unicamp, Unemat, UFU, UFTM e Fiocruz. A programação preliminar pode ser vista aqui. O Simpósio é promovido pelo Laboratório de Biologia Parasitária (BIOPAR), em ação conjunta com o Programa de Educação Tutorial Institucional - Peti BIOPAR e o Núcleo de Estudo em Parasitologia (NEP). O evento tem coordenação da professora Joziana Barçante (DSA), coordenadora do curso de Medicina. O primeiro Simpósio Sul-Mineiro de Doenças Negligenciadas ocorreu na UFLA nos dias 6 e 7 de novembro. Veja outras informações no site do evento. Doenças negligenciadas Doenças causadas por agentes infecciosos ou parasitas, que atingem especialmente populações de baixa renda causando endemias, são chamadas de negligenciadas. Essa caracterização se deve porque, geralmente, são doenças associadas a poucos investimentos em pesquisa, mas que causam milhões de mortes e permanecem como uma importante necessidade médica não atendida.