Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Professor da UFLA e atletas do CRIA Lavras vão compor delegação brasileira no Campeonato Sul-Americano de Atletismo Juvenil

Escrito por Cibele | Publicado: Sexta, 08 Mai 2015 10:31 | Última Atualização: Quinta, 07 Mai 2015 08:10
Modelo de iniciação ao atletismo preconizado pela UFLA começa a render resultados em nova categoria [caption id="attachment_83888" align="alignleft" width="249"]Depois do salto que conquistou o índice para os Jogos Pan Americanos, a atleta Jennifer Nicole correr para comemorar com o treinador, professor Fernando Oliveira A atleta Jennifer Nicole e o treinador Fernando Oliveira farão parte da Delegação Brasileira de Atletismo no Campeonato Sul-Americano de Atletismo juvenil. Foto CBAT[/caption] Nessa terça-feira (5/5), o professor Fernando Roberto de Oliveira, coordenador do Centro Regional de Iniciação ao Atletismo – Cria Lavras, recebeu mais um reconhecimento pelo trabalho que vem sendo realizado na Universidade Federal de Lavras (UFLA). O professor foi convidado para integrar a comissão de treinadores da Delegação Brasileira de Atletismo no Campeonato Sul-Americano de Atletismo Juvenil, que será realizado em Cuenca, Equador, nos dia 30 e 31 de maio de 2015. E mais, duas atletas do projeto ‘Cria Lavras’ também foram convocadas: Jenifer Nicole e Ingrid Ellen. O convite foi feito pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT). As atletas vão participar da competição na modalidade Provas Combinadas – heptatlo (sete modalidades do atletismo: 100 metros com barreiras, salto em altura, arremesso de peso, 200 metros rasos, salto em distância, lançamento de dardo e 800 metros). Na última competição que Jennifer Nicole participou, ela  alcançou o primeiro lugar, e ainda obteve o recorde da competição juvenil com 1,81m no salto em altura, obtendo índice para competir no Campeonato Pan-Americano, que será realizado de 10 a 26 de julho de 2015, em  Toronto – Canadá e para o Campeonato Pan-Americano de Atletismo Juvenil, de 31 de julho a 2 de agosto, em Edmonton – Canadá.  Ingrid Ellen obteve o segundo lugar no Campeonato Brasileiro de Atletismo Juvenil Interclubes. Modelo de Inclusão [caption id="attachment_85002" align="alignleft" width="249"]Jennifer Nicole e Ingrid Ellen: aposta no heptatlo Jennifer Nicole e Ingrid Ellen: aposta no heptatlo[/caption] Para o professor Fernando Oliveira, o convite da CBAT referenda e sustenta o modelo de iniciação ao atletismo desenvolvido na UFLA, com o projeto Cria Lavras. Ele explica que o modelo pode ser considerado único em universidades brasileiras, pois tem como foco primordial a inclusão social a partir do esporte, e o resultado em competições é a consequência de um bom trabalho, que exige técnica, persistência e muita dedicação. Para o treinador, esse é um modelo arriscado do ponto de vista competitivo, mas extremamente compensador do ponto de vista social. “A Universidade é um ambiente que o atleta deseja estar, onde ele vê a possibilidade de um futuro melhor. Na UFLA, não focamos apenas no desempenho técnico, mas também no comportamento, na atitude, nas ações de cidadania”, comenta. A diferença é que no Cria Lavras não são queimadas etapas. Todas as crianças que queiram se dedicar ao esporte são treinadas e o resultado acaba aparecendo em atletas mais talentosos. O professor explica que o projeto, em parceria com a Prefeitura de Lavras, mantém atividades com 1580 crianças de todos os bairros de Lavras e mais oito cidades da região, tendo sido avaliadas o potencial esportivo de mais de três mil crianças. Porém, o projeto é ainda maior - desde que foi criado em 2008, mais de 20 mil crianças já tiveram a oportunidade de conhecer as noções básicas de atletismo. O treinador conta que a experiência com o projeto Cria Lavras tem sido a base para o desenvolvimento de um novo modelo de acompanhamento dos atletas: além da avaliação biológica e física, o professor inclui uma avaliação comportamental, por meio de um questionário para identificação do perfil e melhor direcionamento dos treinamentos. O próximo passo será a inclusão da família na avaliação. O treinador [caption id="attachment_83307" align="alignleft" width="249"]Treinador Santiago Antunes e o professor Fenando Oliveira: similaridades na forma de conduzir o atletismo desde sua base Treinador cubano Santiago Antunes, em visita à UFLA, com o professor Fenando Oliveira[/caption] Professor da UFLA desde 2006 e coordenador do Cria Lavras desde 2008, Fernando Oliveira é um treinador criterioso e com uma diversificada formação técnica. Graduado em Educação Física pela Universidade de Santo Amaro (1989), fez especialização em Ciências do Esporte pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado em Educação Física - subárea Biociências da Atividade Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1995) e Doutorado em Atividade Física e Esporte pela Universidad del Pais Vasco (2004), com estágios de pesquisa no Centro de Alt Rendiment de Sant Cugat del Valles (Barcelona), INEFCatalunya de Barcelona e Centro de Medicina AXOLA de San Sebastián (País Vasco). É reconhecido pela experiência na área de Avaliação Funcional e Treinamento Desportivo, com ênfase em Fisiologia do Exercício, atuando principalmente com avaliação aeróbia e anaeróbia, testes de campo e atletismo. Tem cerca de 80 artigos publicados em periódicos e contribui para a formação complementar de estudantes de graduação e pós-graduação.