Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Ufla receberá Prêmio Mérito Institucional e Destaque do ano na Iniciação Científica do CNPq

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Quarta, 26 Setembro 2007 21:00 | Última Atualização: Quarta, 26 Setembro 2007 21:00

A Universidade Federal de Lavras (Ufla) concorreu com 107 instituições, sendo 47% universidades públicas, 31% universidades privadas e 22% institutos de pesquisa e foi vencedora do prêmio Mérito Institucional por ter sido a instituição participante do PIBIC com maior índice de egressos titulados na pós-graduação.

A Ufla será agraciada com um troféu em Brasília na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia que ocorrerá no período de 1 a 7 de outubro de 2007 em solenidade no MCT.

Também conquistou o Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica na área de Ciências Exatas, da Terra e Engenharias. A bolsista agraciada com este Prêmio foi Elaine Inácio Pereira, acadêmica do curso de Química, com o trabalho intitulado “Produção de Carvão Ativado (CA) com elevada área superficial: remoção de poluentes de efluentes aquosos”, sob a orientação do professor Luiz Carlos Alves de Oliveira do Departamento de Química. A decisão, segundo a comissão julgadora, se deu pela relevância do tema e por resultados como a participação em congressos, o depósito de uma patente e a publicação de um trabalho. A bolsista premiada receberá R$3.600,00, bolsa de mestrado e visita técnica a Centros de Excelência na Inglaterra patrocinada pela British Council.

Estes Prêmios foram criados em 2003 pelo CNPq, e o incentivo à Iniciação Científica é ação consolidada nas diretrizes deste Conselho desde quando foi criado, na década de 50. Os prêmios são um reconhecimento aos trabalhos de destaque entre os bolsistas de iniciação científica do CNPq e às instituições participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) que contribuíram de forma relevante para o alcance das metas do Programa.

A Universidade Federal de Lavras participa do Programa Institucional de Iniciação Científica do CNPq desde maio de 1992. A partir de 2004 houve um crescimento de 386% no número de bolsas de Iniciação Científica na Ufla, chegando a ter uma participação de 20% dos alunos da instituição.

O Programa de Iniciação Científica da Ufla têm como objetivos principais despertar a vocação científica e incentivar novos talentos potenciais entre estudantes de graduação proporcionando condições para estimular o desenvolvimento do pensar cientificamente e da criatividade.

A equipe responsável pelos Programas de Iniciação Científica da Ufla têm demonstrado grande comprometimento com os mesmos, o que resulta no sucesso alcançado. A equipe é coordenada pelo pró-reitor de Pesquisa, professor José Roberto Soares Scolforo, pela Comissão de Iniciação Científica que tem como coordenadora a professora Édila Vilela de Resende Von Pinho e como membros os professores Antônio Ricardo Evangelista, Cláudia Maria Ribeiro, Dulcinéia de Carvalho, Flávio Meira Borém, Geraldo César de Oliveira, João Bosco dos Santos, Joelma Pereira, Luis David Solis Murgas, Luiz Carlos Alves de Oliveira, Luiz Marcello Antoniali, Ronald Zanetti Bonetti Filho e Thelma Sáfadi.

Este programa tem como uma de suas atividades principais a realização do Congresso de Iniciação Científica organizado pela Pró-Reitoria de Pesquisa. Nele são apresentados os resultados das pesquisas realizadas pelos estudantes sob orientação de professores dos diversos departamentos da Instituição. Em 2004 foram apresentados 620 trabalhos e neste ano serão 860.

Todos os trabalhos são apresentados para a comunidade acadêmica na forma de pôster e publicados em meio digital distribuídos para todos os estudantes e professores orientadores.