Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

II Encontro Internacional promoveu interação entre estudantes da UFLA

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Segunda, 14 Dezembro 2015 10:52 | Última Atualização: Terça, 08 Dezembro 2015 15:10
IMG_0503Cultura brasileira, africana, iraquiana, paraguaia e outras: todas em um só lugar. Mais uma vez, os estudantes da Universidade Federal de Lavras (UFLA) tiveram a oportunidade de trocar experiências sobre as suas culturas e conversarem sobre as viagens realizadas por vários países. O II Encontro Internacional, organizado pelo Núcleo de Cultura Internacional (NCI/UFLA), foi realizado na última sexta-feira (4/12) no Clube de Integração Universitária (Ciuni). O objetivo desse evento é incentivar a interação e o compartilhamento de práticas culturais entre estudantes estrangeiros e brasileiros da UFLA. Sempre com diversas comidas típicas e músicas de diferentes países, o Encontro é um espaço em que as pessoas presentes compartilham suas experiências pessoais e profissionais. Para os africanos Marla Ngimbi, Ludmila Kassela e David Pindi, estar na UFLA é uma experiência valiosa. Eles relatam que apesar da distância e da [caption id="attachment_105832" align="alignright" width="249"]Os africanos Ludmila Kassela, David Pindi, e Marla Ngimbi (da esq. p/ dir.) Os africanos Ludmila Kassela, David Pindi, e Marla Ngimbi (da esq. p/ dir.)[/caption] imensa saudade dos familiares, é uma rica oportunidade. “Não cheguei a ter um choque cultural ao vir para o Brasil. Vejo que aqui há uma miscigenação de diversas culturas. Além disso, fui muito bem recebida”, comenta Marla. Também estiveram presentes estudantes da UFLA que passaram algum tempo em outros países, por meio de intercâmbios ou programas de parcerias entre a UFLA e demais universidades. Péricles Viana ficou seis meses na Argentina. Apesar do pouco tempo, ele relata que foi possível cursar disciplinas diferenciadas, e ainda aprofundar o conhecimento no espanhol. Já Rafael Melo, acaba de chegar dos Estados Unidos. Por meio do programa Ciências sem Fronteiras, ele pôde aprofundar seu inglês, realizar disciplinas na sua área (Engenharia de Controle e Automação) e ainda fazer um estágio que considerou enriquecedor. Rafael ficou fora por um ano e dois meses e sua intenção é repetir a experiência no mestrado. Entre as muitas histórias que marcam os participantes do Encontro, uma delas chama atenção – a de um jovem casal que se conheceu em um [caption id="attachment_105830" align="alignright" width="249"]Equipe do Núcleo de Cultura Internacional. Equipe do Núcleo de Cultura Internacional.[/caption] intercâmbio para Israel. Cristino de Souza, estudante da UFLA, natural de Bom Despacho (Minas Gerais), apaixonou-se, durante a sua estadia em Israel, por Ana Carolina, de Blumenau (Santa Catarina). Após pouco tempo de namoro, veio o casamento. Hoje, eles vivem em Lavras. Cristino continua o curso de Engenharia de Controle e Automação, e sua esposa anseia por ingressar na UFLA. “A gente quer viajar na experiência das pessoas, difundir a cultura internacional, afinal somos todos iguais”, relatou a professora do Departamento de Ciências Humanas (DCH) Tânia Regina Romero, coordenadora do Núcleo de Cultura Internacional. “Essa interação enriquece a nossa cultura e fortalece o processo de internacionalização da Universidade”, destacou.
Texto: Camila Caetano – jornalista, bolsista/UFLA.

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.
 
Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.