Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Membros da comunidade acadêmica participam de evento em Três Pontas na sexta-feira (13/5)

Escrito por Ana Eliza Alvim | Publicado: Quinta, 12 Mai 2016 13:32 | Última Atualização: Terça, 10 Mai 2016 12:33
[caption id="attachment_112249" align="alignleft" width="249"]tres-pontas Membros da Associação Afro Trespontana em reunião para organização do movimento.[/caption] Em 13 de maio, data que marca a abolição da escravatura no Brasil, será lançado em Três Pontas (MG) um movimento pela criação do Conselho Municipal da Promoção e Igualdade Racial. O evento terá em sua programação a palestra “Educação para as relações étnico-raciais: um olhar discursivo”, a ser proferida pela professora do Departamento de Educação da Universidade Federal de Lavras (DED/UFLA) Luciana Soares da Silva, que também é coordenadora do Grupo de Estudos Educação para as Relações Étnico-raciais. O objetivo do movimento é fomentar políticas de promoção da igualdade racial no município, com a valorização da cultura negra e o incentivo ao desenvolvimento social. Para tanto, as palestras terão a missão de compartilhar com a comunidade o entendimento das funções e objetivos do Conselho proposto. Além da professora Luciana, fará apresentação durante o evento a presidente do Conselho Municipal de Promoção e Igualdade Racial de Lavras, Rose Oliveira. O tema de sua abordagem será “A importância do Conselho de Promoção e Igualdade Racial”. A mobilização para criação do Conselho Municipal da Promoção e Igualdade Racial é uma inciativa dos estudantes da UFLA Tiago Henrique da Silva (curso de Engenharia Ambiental e Sanitária) e Lucas Eduardo Giraldello (curso de Ciências Biológicas – licenciatura), acompanhados de membros da diretoria da Associação Afro Trespontana (Hosana Valdomiro Manoel e Eduardo Luis) e do jornalista Sebastião Filho. A Associação de Atletismo de Três Pontas, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB – Três Pontas), escolas estaduais da cidade, a Associação Comunitária do Quilombo Nossa Senhora do Rosário de Três Pontas (Aqui3P), o Núcleo de Cultura Internacional da UFLA, entidades do movimento Afro do Brasil (como o Portal do Instituto Afro) e o Núcleo de Estudos Afrobrasileiro e Indígena (Neabi/Instituto Federal Baiano/ Mangabeira) são apoiadores do movimento. A intenção dos organizadores é recolher assinaturas e moções de apoio da comunidade à criação do Conselho, para que a proposta possa ser encaminhada ao poder público municipal. Os conselhos são instrumentos de participação popular capazes de estreitar a relação entre os governos e a sociedade civil, participando do planejamento e da implementação de políticas públicas. No tocante à causa da promoção e igualdade racial, são motivares para a mobilização a Lei 12.288, de 20 de julho de  2010 e o Decreto Nº 4.886,  de 20 de novembro de 2003. As atividades do evento serão iniciadas às 19h, no Anfiteatro da Associação Comercial e Agroindustrial de Três Pontas (Acaitp). Página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/128154830917018/ Confira outras informações sobre as palestras no Sistema Integrado de Gestão (SIG/UFLA).

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.