Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica e Tecnológica - UFLA recebe Mérito Institucional do CNPq

Publicado: Segunda, 18 Julho 2016 13:09 | Última Atualização: Quarta, 06 Julho 2016 06:41

UFLA tem o maior número de egressos de iniciação científica na pós-graduação

[caption id="attachment_116305" align="alignleft" width="249"]O presidente do CNPq, Hernan Chaimovich, entrega o certificado ao reitor da UFLA, professor José Roberto Scolforo O presidente do CNPq, Hernan Chaimovich, entrega o certificado ao reitor da UFLA, professor José Roberto Scolforo[/caption] A Universidade Federal de Lavras (UFLA) foi contemplada com o 13º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica, categoria Mérito Institucional, concedido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O prêmio foi entregue nessa segunda-feira (4/7), em cerimônia realizada na programação da 68ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que acontece de 3 a 9 de julho, em Porto Seguro, na Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). O prêmio foi entregue pelo presidente do CNPq, Hernan Chaimovich, ao reitor da UFLA, professor José Roberto Scolforo. Também estava presente na cerimônia o pró-reitor de Pesquisa, professor Teodorico de Castro Ramalho. A UFLA é a Universidade com o maior índice de egressos de programas de iniciação científica titulados na pós-graduação, em cursos reconhecidos pela Capes. Ao todo, participaram dessa edição 167 instituições de ensino e pesquisa, sendo 127 universidades e 40 institutos de pesquisa. “Um fato para ser celebrado por toda a comunidade acadêmica. Esse é um reconhecimento de mérito, que atesta a qualidade da formação de nossos estudantes. Sinaliza, sobretudo, que a interação entre graduação e pós-graduação rende bons frutos, atraindo mais egressos para a área acadêmica”, destacou o professor Scolforo, que fez questão de agradecer o CNPq pelo apoio recebido, da iniciação científica à pós-graduação. Um fato singular desse reconhecimento é que esta é segunda vez que a UFLA é agraciada com o prêmio Mérito Institucional – Na primeira vez, em 2007, a equipe responsável pelo Pibic na UFLA tinha como pró-reitor de Pesquisa o professor Scolforo e, como coordenadora, a professora Édila Vilela de Resende Von Pinho, atual vice-reitora. [caption id="attachment_116303" align="alignleft" width="249"]Desempenho da UFLA é ressaltado durante a entrega do prêmio - Orgulho de ser UFLA! Desempenho da UFLA é ressaltado durante a entrega do prêmio - Orgulho de ser UFLA![/caption] Durante seu pronunciamento, o presidente Hernan Chaimovich enfatizou a colaboração da UFLA na formação de profissionais altamente qualificados, citando-a como exemplo de atuação no ensino e pesquisa. Destacou ainda o desempenho da iniciação científica, que levou a Universidade a conquistar o Mérito Institucional pela segunda vez. De forma especial, creditou à UFLA a pujança da ciência voltada para a agricultura tropical, como Instituição fundamental para a evolução vivenciada nos índices agrícolas do País. “Traçar um caminho e se organizar estrategicamente para alcançá-lo são as peças-chave para que o Brasil chegue a um nível de excelência nas universidades compatível com sua capacidade”. Após a entrega do prêmio, essa foi a avaliação do presidente do CNPq, apresentada na mesa-redonda "Avaliação Institucional, Universidade de Excelência e Inovação Tecnológica". Na oportunidade, apresentou conceitos e premissas do que ele acredita ser uma universidade de pesquisa e como o país pode melhorar sua colocação mundial no âmbito da produção científica. Universidade de Pesquisa IMG_0170A comunidade acadêmica da UFLA reúne em torno de 12 mil estudantes, em 34 cursos de graduação (29 presenciais e cinco na modalidade a distância). Na pós-graduação, são cerca de 2.200 estudantes matriculados em 55 programas, sendo 32 cursos de mestrado e 22 de doutorado. Partindo de um legado que remete à sua fundação, a UFLA se constituiu como uma instituição focada em pesquisa. São 141 grupos de pesquisa certificados no CNPq, atuantes em mais de 200 laboratórios, com o envolvimento de mais de 1300 estudantes de graduação em diferentes programas de iniciação científica. O resultado destes investimentos pode ser visualizado na formação de profissionais qualificados, no crescimento das publicações técnico-científicas e no desenvolvimento de tecnologias e produtos. Incentivar a inserção de estudantes na pesquisa é uma missão que tem gerado ótimos resultados na UFLA. Por meio de diferentes programas, alunos do ensino médio e da graduação desenvolveram e desenvolvem o pensamento científico, sob orientação de docentes da Universidade, com oportunidades de bolsas. Um dos retornos, nos últimos quatro anos, foi a expansão no número de trabalhos apresentados no Congresso de Iniciação Científica da UFLA (Ciufla). O número aumentou de 1144 trabalhos, em 2012, para 1671, em 2015 – corroborando a expansão do envolvimento com a pesquisa durante a graduação. Sobre o Prêmio certificadoO Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica foi criado em 2003 pelo CNPq, sendo o incentivo à Iniciação Científica uma ação consolidada nas diretrizes do Conselho desde quando foi criado, na década de 50. Os prêmios são um reconhecimento aos trabalhos de destaque e às instituições participantes que contribuíram de forma relevante para o alcance das metas do Programa. A categoria Mérito Institucional é estabelecida pelo reconhecimento à instituição que tiver o maior número de ex-bolsistas Pibic, do CNPq, que se titularam no mestrado ou doutorado. São comparados os percentuais de titulação de cada instituição, ao percentual médio de titulação do conjunto de todas as instituições contempladas com bolsas Pibic no País, em um período de dez anos.      

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.