Ir direto para menu de acessibilidade.
Atenção! Você está acessando um arquivo automático de notícias e o seu conteúdo pode estar desconfigurado. Acesse as notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.

Treinamento sobre café movimenta UFLA durante as férias

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Quarta, 21 Setembro 2016 13:51 | Última Atualização: Terça, 20 Setembro 2016 09:06
[caption id="attachment_121537" align="alignleft" width="249"]Treinamento de degustação de café através da metodologia de Classificação Oficial Brasileira Treinamento de degustação de café através da metodologia de Classificação Oficial Brasileira[/caption] Promovido pela Agência de Inovação do Café (InovaCafé) em parceria com o Núcleo de Estudos em Qualidade, Industrialização e Consumo de Café (QI Café) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), a segunda edição do treinamento de férias sobre café foi realizada nos dias 15, 16 e 19 de setembro, no Polo de Tecnologia em Qualidade do Café. O primeiro treinamento apresentou os passos e cuidados para o preparo de café filtrado em casa. No segundo dia, foi realizado um treinamento de degustação de café através da metodologia de Classificação Oficial Brasileira (COB), que regulamenta as normas para comercialização de café cru (in natura) no País. Os participantes conheceram os principais defeitos do café e sua influência na bebida, através dos padrões para café arábica. Também foi degustado o café conilon, e foram identificadas as principais características de sabor, aroma e textura de cada café. [caption id="attachment_121552" align="alignright" width="249"]Doutoranda em Agroquímica da UFLA e servidora do Departamento de Química da Universidade, Ana Carolina Arantes: Quero conhecer tudo sobre esse universo Doutoranda em Agroquímica da UFLA e servidora do Departamento de Química da Universidade, Ana Carolina Arantes: Quero conhecer tudo sobre esse universo[/caption] A doutoranda em Agroquímica da UFLA e servidora do Departamento de Química da Universidade, Ana Carolina Arantes, conheceu a InovaCafé através do Facebook.  “...fiquei apaixonada pelo trabalho da Agência, depois disso, tenho pesquisado muito, já comprei alguns equipamentos e estou bebendo cafés de melhor qualidade. Quero conhecer tudo sobre esse universo”, explica Ana, que participou dos treinamentos e passou a entender que as boas práticas no preparo do  café podem fazer a diferença na bebida. “A diferença na moagem, na quantidade de pó realmente faz a diferença no paladar da bebida”, ressalta. Gustavo Alvarez Velasquez, doutorando do programa de Melhoramento Genético da UFLA, natural de Tegucigalpa, Honduras, participou do treinamento em degustação de café e provou pela primeira vez o café conilon, tipo que não é comum na América Central.  “A gente sempre fala que vai beber um café bom, só que a maioria das pessoas não sabe qual é o verdadeiro café de qualidade, por isso procurei o curso. Eu achei muito interessante, não só o processo de provar, mas entender melhor os processos os quais o grão é submetido como colheita, pós-colheita, secagem e beneficiamento, e tudo isso faz parte da qualidade da bebida, o treinamento foi esclarecedor”. [caption id="attachment_121539" align="alignleft" width="249"]Os participantes tiveram a oportunidade de degustar o CAFESAL, marca que irá nomear o café produzido pela Universidade e que presta homenagem a antiga Escola Agrícola de Lavras (ESAL). Os participantes tiveram a oportunidade de degustar o CAFESAL, marca que dá nome ao café produzido pela Universidade e que presta homenagem a antiga Escola Agrícola de Lavras (ESAL).[/caption] O último treinamento promovido foi o de drinks à base de café que apresentou nove opções de drinks diferentes que podem ser servidos como bebidas quentes e/ou geladas, usando ingredientes que podem ser encontrados com facilidade. A mestranda em Microbiologia Agrícola da UFLA, Silvia Martinez, do município de Cucuta, Colômbia, adorou os drinks gelados como o milk-shake de ovomaltine. “Achei a proposta do curso inovadora e, por trabalhar com o café na área de fermentação, busco sempre ampliar o meu conhecimento em outras áreas relacionadas ao produto”, pontuou Silvia. Entre os drinks, o que chamou atenção dos participantes foi o Triângulo Mineiro, que é composto por sorvete de goiabada com queijo, espresso e leite, “sentimos a necessidade de apresentar um drink que representasse um pouco o nosso Estado, e a união desses ingredientes representa bem o povo mineiro”, explica a barista e gestora em inovação do café, Helga Andrade.
Texto e Fotos: Vanessa Trevisan (ASCOM InovaCafé)
Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
Coronavírus Covid-19: É importante de informar e prevenir. ufla.br/coronavirus
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.