Ir direto para menu de acessibilidade.
Dicas de Português

Dicas de português: algumas curiosidades da Língua Portuguesa

Escrito por DCOM | Publicado: Terça, 15 Outubro 2019 12:42 | Última Atualização: Terça, 15 Outubro 2019 12:42 | Acessos: 446
Gentileza solicitar descrição da imagem

Começou em Roma o Sínodo da Amazônia. O encontro promete. De um lado, vai debater temas espinhosos para o Vaticano. É o caso do casamento de padres e o papel da mulher
na Igreja Católica. De outro, discutirá assuntos pra lá de atuais. Entre eles, os direitos indígenas e o papel da maior floresta tropical do mundo no contexto global. Pra acompanhar a pauta do evento, impõe-se entrar na intimidade da palavra sínodo. Ela vem do grego. Na língua de Platão e Aristóteles, synodos quer dizer assembleia de bispos do mundo inteiro. Sob a presidência do papa, a turma busca consensos em questões importantes. Conseguirá? Há quem duvide. É esperar para ver.

Bispa? Nãooooooooo 
O feminino de bispo? É episcopisa. Chique, não?

Sem flexão 
Papa, cardeais, bispos são os mandachuvas da Igreja Católica. Eles são os todo-poderosos do Vaticano? Ou os todos-poderosos? Guarde isto: O todo, no caso, funciona como advérbio. Quer dizer totalmente. Mantém-se, por isso, invariável: o todo-poderoso, os todo-poderosos, a todo-poderosa, as todo-poderosas.

Por falar em todo 
Todo, todo o, todos os? O pronome aparece a torto e a direito. Mas o artigo e o plural fazem a diferença. Como acertar sempre? É fácil. Preste atenção nos exemplos:Todo = qualquer, inteiro: Todo (qualquer) país tem uma capital. Todo (qualquer) homem é mortal. Li o livro todo (inteiro).Todo o = inteiro: Li todo o livro. Assisti a todo o filme. Conheço todo o mundo. Todos os = todas as pessoas ou representantes de determinada categoria, grupo ou espécie: Todos os governadores compareceram à reunião. Todos os que quiseram participaram do sorteio retiraram a senha. Dirigiu-se a todos os presentes.

Dupla ou trio?
Todo mundo ou todo o mundo? Atenção ao artigo. Ele muda o sentido do recado: Todo mundo = todos: Todo mundo aplaudiu o cantor. Todo o mundo = todos os países, o mundo inteiro: Conheceu todo o mundo.

Desperdício

É pleonasmo escrever unânime e todos em frase do: tipo todos foram unânimes. Unânime é relativo a todos.

NoBEL ou NObel?
Guarde isto: Nobel pronuncia-se como papel e Mabel. A sílaba tônica é a última. Isolado, Nobel tem plural. Acompanhado de prêmio, mantém-se invariável: Ganhou dois Nobéis. Dedicou o livro a dois Prêmios Nobel.

 

Fonte:http://concursos.correioweb.com.br/app/colunistas/dad-squarizi/2019/10/09/noticiasinterna,40294/assembleia-de-gente-do-andar-de-cima.shtml (com adaptações)

Paulo Roberto Ribeiro – revisor de textos
DCOM

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.