Ir direto para menu de acessibilidade.
Programa Prinagem

Parceria com Fundação João Pinheiro insere estudantes da UFLA em programa de internato em administração pública

Escrito por Samara Avelar | Publicado: Quinta, 29 Outubro 2020 14:38 | Última Atualização: Quinta, 29 Outubro 2020 15:47 | Acessos: 736
Gentileza solicitar descrição da imagem
Evento de encerramento da 9ª edição foi realizado na quarta-feira (28/10)

Estudantes do curso de Administração Pública da Universidade Federal de Lavras (UFLA) têm agora uma nova possibilidade de aprendizado prático: uma parceira firmada com a Escola de Governo da Fundação João Pinheiro (EG/FJP) possibilita a participação de graduandos, pós-graduandos e professores da UFLA no Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal (Prinagem). O encerramento das atividades da primeira edição colaborativa do programa – sendo a 9ª edição da FJP - ocorreu na quarta-feira (28/10), com um evento virtual de troca de experiências entre os participantes. A próxima edição está prevista para janeiro de 2021.

O convite para participar do Prinagem surgiu de um acordo de mútua cooperação entre as instituições de ensino para o desenvolvimento de projetos de extensão, ensino e pesquisa, como explica o coordenador do programa na UFLA e professor do departamento de Administração e Economia (DAE/UFLA), Gustavo Costa de Souza. “Há um tempo os docentes do bacharelado em Administração Pública da UFLA têm buscado dar um caráter mais aplicado e prático, no sentido de trazer a Extensão para o currículo do curso. Nosso desejo é perpetuar essa experiência colaborativa nas próximas edições e crescer nessa parceria com a FJP”, ressaltou.

O trabalho foi realizado remotamente nos meses de setembro e outubro, quando estudantes das duas instituições atuaram juntos para assessoria dos Municípios de Lavras, Ijaci, Lagoa Dourada, Conquista e Andradas. A partir dos desafios apresentados pelos Municípios, os estudantes, sob supervisão de professores e pós-graduandos, puderam coletar dados, realizar diagnósticos e propor soluções. A estudante de Administração Pública da UFLA Agatha Colares, que participou da assessoria em Lavras, contou sobre a experiência. “Estou muito orgulhosa do resultado que conseguimos entregar. Foi um desafio, mas algo construtivo, não só em relação ao produto que desenvolvemos, mas também quanto às relações interpessoais”, destacou.

Da teoria à prática

A professora do DAE/UFLA Júlia Moretto Amâncio, que orientou as equipes atuantes em Lavras e Ijaci, reforçou o viés prático da iniciativa e a importância ainda maior desse suporte aos Municípios no contexto da pandemia. “As administrações municipais têm enfrentado desafios imensos nesse momento, em especial em áreas como Saúde e Educação. Então, essa contribuição que a Universidade e a Escola de Governo têm oferecido são muito importantes para a superação das dificuldades. Buscamos fazer com que os produtos tivessem uma abordagem mais prática, mais palpável e concreta, para que as sugestões possam ser atendidas pelas administrações municipais”, explicou.

Karla Veloso, representante da Secretaria de Educação de Lavras, reforçou que o diagnóstico e direcionamentos propostos pela equipe do Prinagem permitiram repensar  formas de atuação. O órgão buscava compreender os desafios para a implementação do Ensino Remoto Emergencial, a partir da tabulação e interpretação de dados que haviam sido coletados juntos aos professores da rede municipal de ensino. “Parabenizo todos que estiveram envolvidos na iniciativa. O trabalho da equipe Prinagem nos deu um material rico, que traça o perfil dos professores da rede e aponta as principais dificuldades que poderemos encontrar com o ERE, apresentando também alternativas para que a administração municipal busque novas políticas públicas que favoreçam o ensino e a educação básica. Estamos muito felizes com essa parceria.”

Para a estudante da UFLA Raquel Ferreira do Amaral, que desenvolveu atividades para o Município de Lagoa Dourada, o projeto mostrou de forma concreta o que se aprende em sala de aula. “Foi uma experiência muito boa para conhecermos o dia a dia do Município, descobrir um pouco mais por que estamos estudando, para quem estamos fazendo administração pública”, explicou.

Programa abre caminhos para projeto de Residência em Administração Pública

A experiência com o Prinagem tem sido importante para que o colegiado de graduação em Administração Pública possa tornar viável um projeto de residência profissional, como explica o coordenador do curso, professor Renato Silvério Campos. “Nosso objetivo é, por meio de um projeto de residência inserido no currículo, proporcionar uma imersão profissional dos nossos discentes em instituições do setor público a fim de, principalmente, elaborar e monitorar políticas públicas e programas sociais. O Prinagem tem nos dado um horizonte de como tratar bem essa temática”, explicou.

Sobre o Prinagem

O Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal – Prinagem- é  uma atividade de imersão prevista no Projeto Pedagógico do curso de Administração  Pública da Escola de Governo da Fundação João Pinheiro. Consiste em uma atividade  de extensão universitária, em que estudantes de graduação prestam assessoria técnica  à administração municipal em áreas como gestão e avaliação de projetos e políticas  públicas, bem como melhoria de processos.

Em sua 9ª Edição, que contou com a participação de estudantes e professores da UFLA, o Prinagem assistiu cinco Municípios. Confira a distribuição das equipes em cada localidade:

 

ANDRADAS

Estudantes
Alexandre Henrique Fonseca (EG)
José Vicente Santiago (UFLA)
Thaísa Marquez (EG)

Orientadores
Prof. Marcus Vinicius (EG)
Profª. Letícia Godinho (EG)

Apoio à orientação
Jessyka Lopes (EG)

 

CONQUISTA

Estudantes

Ana Paula Rodrigues (UFLA)
Jordan Ramiris (EG)

Orientadores

Prof. Marcus Vinicius (EG)
Profª. Letícia Godinho (EG)

Apoio à orientação

Frederico Neto

 

IJACI

Estudantes

Ana Luisa Leonel (UFLA)
Eduarda Moreira (EG)

Orientadora

Profª. Julia Moretto (UFLA)

Apoio à orientação

Denise Hipólito e Samara Avelar (UFLA)

 

LAGOA DOURADA

Estudantes

Brunno César Vieira (EG)
Raquel Ferreira (UFLA)

Orientadores

Prof. Marcus Vinicius (EG)
Profª. Letícia Godinho (EG)

Apoio à orientação

Júlia Espeschit

 

LAVRAS

Estudantes

Agatha Colares (UFLA)
Bárbara Passos (EG)
Paula Wanessa Castro (UFLA)

Orientadora

Profª. Julia Moretto (UFLA)

Apoio à orientação

Denise Hipólito e Samara Avelar (UFLA)

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.