Ir direto para menu de acessibilidade.
CERVEJA DE MILHO

Visita Técnica em Cervejaria fez parte da programação do Congresso Nacional do Milho e Sorgo

Escrito por Alberto Moura | Publicado: Segunda, 17 Setembro 2018 16:11 | Última Atualização: Segunda, 17 Setembro 2018 16:24 | Acessos: 2135
Gentileza solicitar descrição da imagem

Saindo um pouco da rotina dos congressos tradicionais realizados em ambientes universitários, com uma programação repleta de palestras, workshops, mesas redondas, entre outras atividades, uma visita técnica a uma cervejaria foi proposta pelo 32º Congresso Nacional do Milho e Sorgo, realizado na última semana na UFLA.

Na tarde da última quinta-feira (13/9), os congressistas tiveram a oportunidade de conhecer a Cervejaria do Funil, sediada em Lavras. A principal motivação foi conhecer o processo de produção da “Cerveja de Milho”, preparada especialmente para o evento. 

O mestre cervejeiro Fábio Bax Júnior, que é gerente de aplicações técnicas para a área de cervejaria e bebidas na Ingredion, palestrou a respeito do histórico do uso do milho na produção de cerveja, além de mostrar dados estatísticos do atual cenário do mercado cervejeiro. De acordo com Fábio, hoje o uso do milho para a fabricação de cerveja passa por um cenário de má percepção pelo consumidor, o que gera um entendimento errôneo da qualidade da cerveja. E, em conjunto com o proprietário da Cervejaria do Funil, Lamartini Silva Martins, desenvolveu uma cerveja em que o ingrediente principal foi o milho. "A satisfação do resultado da bebida foi alcançado, já que toda cerveja produzida para o evento foi consumida, além dos comentários positivos acerca da qualidade da bebida", conclui.

Segundo um dos organizadores do evento, André Alvarenga Oliveira, engenheiro agrônomo formado na UFLA, o objetivo da visita foi alcançado, já que foi possível desmistificar a ideia de que a cerveja de milho é inferior, fato reconhecido pelos participantes.  Foi o caso da estudante de Agronomia da Universidade Federal de Goiás (UFG) - Campus Jataí, Maria Júlia. A futura agrônoma relatou que foi uma excelente experiência, já que conheceu tanto na teoria quanto na prática sobre a produção da bebida. Sobre a cerveja de milho, ela conclui: "no começo eu estava um pouco com preconceito, achei que ia ter um sabor forte, mas foi bem agradável. Eu adorei!".

Confira as fotos da visita: