Ir direto para menu de acessibilidade.
DIREITO MÉDICO

UFLA sediou I Seminário de Direito Médico

Escrito por Caroline Souza | Publicado: Terça, 03 Dezembro 2019 17:33 | Última Atualização: Terça, 03 Dezembro 2019 17:35 | Acessos: 168
Gentileza solicitar descrição da imagem

No dia 29/11, foi realizado no Salão de Convenções da Universidade Federal de Lavras (UFLA) o I Simpósio de Direito Médico: Temas Contemporâneos, evento que reuniu diversos estudantes e profissionais das áreas de saúde e jurídica de Minas Gerais e São Paulo, para debater casos e expandir o conhecimento do direito médico, demonstrando sua importância no cenário atual.

O simpósio foi organizado por docentes dos cursos de Medicina e Direito da Instituição e contou com a presença de palestrantes especialistas nos temas. “É preciso haver uma maior integração entre medicina e direito, pois existem diversos casos de ocorrências médicas que estão sendo analisados pela justiça. Já temos em nosso curso a disciplina Direito Médico e buscamos trabalhar com os estudantes a importância da conduta humanizada entre o profissional e o paciente”, explicou a professora do Departamento de Ciências da Saúde (DSA) e integrante da comissão organizadora Roberta Ferraço Scolforo.

Durante toda a tarde, diversas palestras foram ministradas trazendo abordagens atuais e de casos que ocorrem com frequência nos consultórios médicos e ambientes hospitalares. Entre as apresentações, os temas “Recusa terapêutica por pacientes e objeção de consciência do médico” e “Transfusão em testemunhas de Jeová”, levantaram diversos questionamentos entre os participantes.

Ao término das perguntas, os palestrantes presentes abordaram que o melhor caminho é o do diálogo. “Infelizmente, nos dias atuais, a relação médico-paciente não está entre as melhores. O acesso rápido à informação por vezes atrapalha o discernimento do paciente em aceitar ou não a conduta médica definida pelo profissional da saúde”, explicou o advogado do Conselho Regional de Medicina de Minas Gerais (CRMMG) Frederico Ferri.

 BENEFÍCIOS DA MULTIDISCIPLINARIDADE

Antigamente, os cuidados com a saúde eram realizados apenas por médicos e enfermeiros. Mas, atualmente, é necessário tratar as demandas com uma compreensão abrangente, já que a área médica é um campo que abarca diversos conhecimentos. “Enxergamos que é importante e necessário essa união entre os departamentos, pois queremos trabalhar sempre em prol da população, auxiliando e orientado não só os estudantes, mas também os profissionais que estão diretamente ligados aos cenários médico e jurídico”, concluiu Roberta.

Fotos e Texto: Caroline Batista,  jornalista  bolsista Dcom/Fapemig

 

Assunto(s): simpósio , médico , jurídico , DSA , DIR

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.