Ir direto para menu de acessibilidade.
Parceria

UFLA é representada no Núcleo Alto Rio Grande dos Criadores de Cavalos Mangalarga Marchador

Escrito por Camila Caetano | Publicado: Sexta, 13 Dezembro 2019 09:42 | Última Atualização: Sexta, 13 Dezembro 2019 09:42 | Acessos: 834
Gentileza solicitar descrição da imagem
Nova diretoria do Núcleo Alto Rio Grande de Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador

A Universidade Federal de Lavras (UFLA) conta agora com uma representante na diretoria do Núcleo Alto Rio Grande dos Criadores de Cavalos Mangalarga Marchador. A posse da professora Raquel Moura, do Departamento de Zootecnia (DZO), ocorreu nessa quinta-feira (12/12), às 19 horas, no Sindicato dos Produtores Rurais de Lavras.

Raquel enfatiza que essa parceria permitirá maior interação com os criadores da raça na região e vem ao encontro dos objetivos previstos no projeto de extensão intitulado "Setor de Equideocultura (SetEqui) da UFLA como ambiente técnico para capacitação de mão-de-obra para produção animal", sob sua coordenação.

O novo presidente da entidade, Evandro Andrade de Souza Junior, destacou a importância da participação da UFLA para auxiliar na promoção de cursos, palestras e outras ações para melhoria da qualidade da mão-de-obra na raça.

A UFLA é sócia contribuinte da Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador desde 2017. Atualmente possui dois equinos da raça Mangalarga Marchador no plantel didático do SetEqui que são utilizados diariamente em atividades de ensino, pesquisa e extensão: uma égua doada pelo respectivo núcleo ("Ábia El Far") e um potro registrado com sufixo "da UFLA" ("Absoluto da UFLA") cujo registro genealógico provisório foi formalizado em maio de 2019.