Ir direto para menu de acessibilidade.
Simpósio

Começa hoje simpósio sobre a saúde de populações menos privilegiadas da sociedade / negligenciadas

Escrito por Greicielle Santos | Publicado: Segunda, 24 Agosto 2020 09:33 | Última Atualização: Segunda, 24 Agosto 2020 09:33 | Acessos: 524
Gentileza solicitar descrição da imagem

Ocorre entre os dias 24 e 28 de agosto o 1º Simpósio Interligas sobre Saúde de Populações Negligenciadas. A transmissão é pelo canal do You Tube. As inscrições devem ser feitas pelo SIG.

O evento é organizado pelas ligas acadêmicas de Saúde Reprodutiva e Sexual (Lasex), de Medicina de Família e Comunidade (Lamfac), de Psiquiatria e Saúde Mental (Lapsi) e de Ginecologia e Obstetrícia (Lagob) do curso de Medicina da Universidade Federal de Lavras (UFLA).

O objetivo do simpósio é conscientizar as pessoas acerca das problemáticas que perpassam pelas populações negligenciadas e nortear reflexões e atitudes que podem contribuir para minimizar um pouco os impactos dessas desigualdades, ou ao menos trazer visibilidade para elas. 

Confira a programação:

24/8 (segunda-feira)

18h - Abertura

19h30 - Mesa "SAÚDE, TERRA E CURA: A determinação sociopolítica e cultural do processo saúde-doença para os Povos Indígenas"

25/8 (terça-feira)

19h - Atendimento ginecológico da mulher lésbica

20h - Gordofobia na medicina

26/8 (quarta-feira)

19h - Vivências e relatos de um médico da comunidade LGBTQI+

20h - Saúde mental e despatologização da transgeneridade

27/8 (quinta-feira)

19h -  Dialogando direito do sujeito surdo e surdocego na assistencia a saude e as relações ética da equipe médica nessa assistencia* (195 inscritos / Sem limite de vagas)

20h30 - Atendimento da pessoa transsexual na atenção primária e transição de gênero no contexto do SUS

28/8 (sexta-feira)

19h - Violência obstétrica sofrida por mulheres negras

20h - Fechamento do Simpósio

Mais informações:

Instagram: @simpopnegligenciadas

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.