Ir direto para menu de acessibilidade.
Extensão

Acordo firmado entre UFLA e instituição indiana permitirá oferta de cursos de extensão em âmbito internacional

Escrito por Mathews Silva | Publicado: Quinta, 18 Novembro 2021 13:55 | Última Atualização: Quinta, 18 Novembro 2021 14:55 | Acessos: 750
Gentileza solicitar descrição da imagem

A Universidade Federal de Lavras (UFLA) assinou um acordo de cooperação com a empresa indiana Adrise India Pvt Ltd (AIPL), por meio do qual ofertará cursos de extensão a distância em diversas áreas da agricultura. O objetivo é a junção de esforços entre essas instituições para a produção e oferta de cursos de curta duração pela UFLA à comunidade brasileira e internacional, utilizando a plataforma de ensino digital Vande Kisan.

 O início dos cursos está previsto para fevereiro de 2022. O acordo, assinado em 8/11, tem duração prevista de três anos. O conteúdo será produzido em inglês e, inicialmente, será voltado para agricultores indianos. Terá formato de videoaulas gravadas, incluindo gravações em campo, com demonstrações práticas do manejo das culturas.

De acordo com o professor da Escola de Ciências Agrárias (Esal) Guilherme Vieira Pimentel, coordenador do Acordo de Cooperação, a empresa realizou as tratativas por meio da Diretoria de Relações Internacionais (DRI-UFLA), elencando as principais culturas para as quais tem interesse em desenvolver os cursos de capacitação. “Foram priorizadas, neste primeiro momento, as culturas da cana-de-açúcar e da laranja”, relata. Para esses primeiros conteúdos, os responsáveis são, respectivamente, o professor Guilherme e a professora Ana Cláudia Costa, também da Esal.

Segundo o coordenador de cooperação da DRI, professor Pedro Ivo Ribeiro Diniz, o projeto, em modelo piloto, busca atender a demanda do mercado para treinamento de recursos humanos nas diferentes cadeias produtivas do agronegócio, atendendo o público em âmbito internacional. “A busca da empresa indiana por uma instituição de ensino com expertise na área despertou a equipe da UFLA para a oportunidade de buscar um novo nicho para compartilhamento do conhecimento gerado na academia”, explica.

O diretor de Relações Internacionais, professor Antônio Chalfun Júnior, avalia que esse foi um passo inédito e importante. “Estamos avançando, indo além das ações de mobilidade estudantil, e de professores e das pesquisas em colaboração com outros países. A internacionalização da Universidade, assim, é fortalecida também na perspectiva da extensão”, comenta.

Após a oferta dos primeiros cursos já pactuados, é possível que a empresa parceira apresente demanda pela produção de cursos com outras temáticas, o que levará à inclusão de outros docentes para atuação no projeto. 

 Texto: Mathews de Oliveira Silva, bolsista Proat. Revisão: Ana Eliza Alvim