Ir direto para menu de acessibilidade.
segurança alimentar

UFLA lança Boletim técnico extensionista sobre biofertilização e biopesticidas em idiomas africanos

Escrito por Camila Caetano | Publicado: Terça, 30 Novembro 2021 12:25 | Última Atualização: Terça, 30 Novembro 2021 13:04

A Universidade Federal de Lavras (UFLA), por meio da sua Editora, lançou nesta terça-feira (30/11) um boletim extensionista sobre biofertilização e biopesticidas em quatro idiomas vernaculares africanos- Swahili, Lingala, Kikongo e Kiswahili. A organização das ações é do professor voluntário da Engenharia Agrícola - e cordenador do projeto de extensão “Vozes da África" - Gilmar Tavares.

Esse é o primeiro boletim internacional vernacular publicado oficialmente pela Universidade. O documento contém orientações extensionistas sobre uma das tecnologias socioambientais sustentáveis da agroecologia, denominada biofertilização/biopesticidas. “O boletim foi feito de uma forma apropriada à mente do agricultor familiar africano. Nosso carro chefe no Boletim é a Biofertilização, com custo praticamente zero, totalmente acessível às comunidades carentes, com validação científica, sendo amplamente aceita”, afirma Gilmar. O professor destaca que o Boletim é a concretização da responsabilidade social da Universidade com os pequenos agricultores familiares para se chegar ao que o mundo precisa: segurança alimentar.  

Os conhecimentos são fruto de experiências de extensão que alcançaram êxito na África (na República Democrática do Congo), a partir das parcerias entre a UFLA e o Institut National Pour L´Etude et la Recherche Agronomique de Kinshasa (Inera), da República Democrática do Congo, com o apoio da Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores do Brasil (ABC/MRE).

A analista de projetos da ABC Ana Carla Mello destaca a importância de se compartilhar com outros países os métodos que o Brasil possui em diversas áreas. “A nossa parceria com a UFLA é cada vez mais extensa, alargando várias áreas de competências”, comenta.