Ir direto para menu de acessibilidade.
ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL

Abertas oficialmente as atividades do Núcleo de Saúde Mental da UFLA

Escrito por Ana Eliza Alvim | Publicado: Segunda, 18 Março 2019 17:36 | Última Atualização: Segunda, 18 Março 2019 17:53 | Acessos: 2144
Gentileza solicitar descrição da imagem

Estudantes de graduação e pós-graduação que precisarem do serviço podem solicitar o agendamento, que estará disponível de segunda a sexta-feira. O Núcleo passa a ocupar integralmente o espaço onde funcionava a Coordenadoria de Saúde, no câmpus histórico.

Nesta segunda-feira (18/3), uma solenidade realizada no câmpus histórico da Universidade Federal de (UFLA) marcou o lançamento do Núcleo de Saúde Mental (NSM), inserido na estrutura da Coordenadoria de Saúde da Universidade. O serviço é voltado essencialmente a estudantes de graduação e pós-graduação, sem distinção por vulnerabilidade socioeconômica, e tem o objetivo de dar suporte a esse público em suas demandas relacionadas aos desafios da vida universitária. Durante todo o horário de atendimento, a equipe do NSM irá se dedicar integralmente a projetos e acolhimentos que buscam contribuir para a boa qualidade de vida no ambiente universitário.

O reitor da UFLA, professor José Roberto Soares Scolforo, compareceu à cerimônia e disse considerá-la um marco. “Mesmo em um momento de restrições financeiras, a equipe não deixa de inovar e buscar oferecer o melhor serviço. Aqui temos uma atividade que não tem preço. Se, por essa iniciativa, um jovem estudante puder ser acolhido e receber a ajuda que precisa para seguir em frente, estando bem emocionalmente, tudo já terá valido a pena”. Scolforo também reafirmou a importância das parcerias, referindo-se a instituições da cidade presentes no evento e parceiras em outros projetos – Unilavras e Prefeitura de Lavras. “Esperamos que dentro de algum tempo tenhamos parceiros também no Núcleo de Saúde Mental, para expandirmos ainda mais a proposta”.

A pró-reitora de Assuntos Estudantis e Comunitários, professora Ana Paula Piovesan Melchiori, agradeceu o empenho da equipe envolvida com o NSM, lembrando que se trata da concretização de um serviço que vem sendo construído e aprimorado há algum tempo, por meio de diferentes ações com a comunidade acadêmica. Para a coordenadora de Saúde, professora Kátia Poles, as motivações da equipe de trabalho são muitas. “Temos boas expectativas pelo impacto positivo que o trabalho pode trazer à nossa comunidade de estudantes, e pela possibilidade de estendê-lo mais tarde a servidores – que seja um espaço realmente de apoio para quem precisar”.

Saiba mais sobre o NSM

Quem compareceu à cerimônia visitou também as instalações onde funcionará o NSM.

Três psicólogos e um psiquiatra irão atuar no Núcleo, com atendimentos de segunda a sexta-feira, nos turnos da manhã e da tarde. O estudante que precisar recorrer ao serviço poderá fazer o agendamento presencial, pela manhã, para o atendimento no Plantão Psicológico, que ocorrerá no mesmo dia do agendamento. Haverá capacidade de atendimento para 44 pessoas por semana no Plantão. A partir desse primeiro atendimento, os profissionais irão avaliar a necessidade de encaminhamento do estudante a outras modalidades de atendimento, como o aconselhamento psicológico ou ao psiquiatria. Ao todo, serão 74 atendimentos por semana pelos psicólogos e mais 30 pelo psiquiatra. Farmacêuticos também vão colaborar com o NSM, com orientações em casos de tratamento medicamentoso.

A maior aposta da nova estrutura, entretanto, são os projetos de ações preventivas e as ações em grupo. De acordo com Kátia Poles, as várias experiências feitas na UFLA com rodas de conversa e outras iniciativas de participação coletiva têm demonstrado resultados promissores. “Considero que a geração de hoje está mais aberta à discussão; na verdade, querem espaço para discutir e refletir sobre as questões que impõem dificuldades à vida acadêmica. A saúde mental está deixando de ser um tabu”, avalia.

Conheça os projetos que terão início com a nova estrutura: 

Longe de Casa - ações visando à acolhida e apoio aos estudantes ingressantes, contribuindo para a qualidade da vivência, para sua permanência na Universidade e, consequentemente, para a prevenção do sofrimento mental. O projeto prevê um espaço de escuta e compartilhamento de vivências, para que os participantes possam desenvolver ou aprimorar sua capacidade de enfrentar a ansiedade resultante do distanciamento do ambiente familiar e estabelecer novas relações, favorecendo a maior integração e vinculação à UFLA.

Conviver - criação de um espaço de escuta e compartilhamento de vivências sobre o processo de integração e permanência na Moradia Estudantil, para que os participantes possam desenvolver ou aprimorar sua capacidade de enfrentar a ansiedade resultante do distanciamento do ambiente familiar, fortalecer suas condições psicossociais e estabelecer novas relações no ambiente de moradia, visando ao bem-estar coletivo nesse espaço.

Grupo SuperAção - trabalho com grupos, pela troca de experiências entre os participantes,  visando à quebra de estigmas e a ressignificação de questões relacionadas à saúde mental.

Cine Saúde Mental - sessões mensais vão promover a exibição de filmes como ponto de partida para discussões sobre saúde mental.

Escolha profissional - atividades nas escolas, com estudantes de ensino médio, compartilhando informações sobre a Universidade e sobre as escolhas profissionais. O  contato com os estudantes antes do ingresso figura como uma ação capaz não só de estimulá-los e orientá-los nas escolhas, como permite que tenham informações que os preparam para o contato com o mundo universitário.

Em 2018, a Praec registrou 1693 atendimentos individuais pelos psicólogos e 1296 pela psiquiatria. Foram 11 atendimentos de grupos, número que deve aumentar bastante em 2019, com os novos projetos. O Plantão Psicológico, iniciado em outubro de 2018, gerou 132 atendimentos até dezembro.  “Acreditamos que a saúde mental precisa ser cuidada como a saúde de maneira geral. Da mesma forma que devemos ter uma alimentação saudável e praticar atividade física, precisamos cuidar da nossa mente de maneira contínua e não só nos momentos de crise”, defende Kátia Poles, ao comentar a importância do serviço.

Serviço:

Núcleo de Saúde Mental

Local: câmpus histórico, prédio onde funcionava a Coordenadoria de Saúde, próximo à Praec.

Horários de atendimento: segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

Agendamentos de horários: podem ser feitos diariamente, no local. O atendimento no Plantão Psicológico ocorre no mesmo dia do agendamento.

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.