Ir direto para menu de acessibilidade.
Capacitação

UFLA promove curso que capacita gestores e fiscais que atuam na terceirização no serviço público

Escrito por DCOM | Publicado: Quarta, 10 Abril 2019 14:14 | Última Atualização: Quinta, 11 Abril 2019 15:04
Gentileza solicitar descrição da imagem

A Pró-Reitoria de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (PRGDP/UFLA) promoveu nos dias 4/4 e 5/4  o curso "A Terceirização no Serviço Público: a fiscalização, execução dos contratos e o alinhamento estratégico para atuação em face da responsabilidade trabalhista". Oitenta e seis participantes concluíram o curso, sendo 56 servidores da UFLA e 30 de instituições externas, como o Instituto Federal do Mato Grasso do Sul (IFMS), a Universidade Federal de Alfenas (Unifal), a Universidade Federal de Itajubá (Unifei), o Instituto Federal do Sul de Minas (IFSulde Minas) e a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). 

Um dos objetivos do curso foi o de capacitar gestores e fiscais, que atuam com contratos administrativos, para o aprimoramento das atividades de execução e fiscalização,  reduzindo, assim,  os índices de judicialização das demandas. Para a procuradora Federal na UFLA, Vânia Mendes Ramos da Silva, que ministrou o curso, existe uma necessidade muito grande na capacitação nessa área. O tema é  relevante para os servidores, uma vez que a administração tem ampliado o número de terceirizados nos seus quadros em todas as áreas", explica.

Um destaque foi o fato de o curso, inserido no Plano de Capacitação da UFLA, ter mobilizado o interesse de servidores de outros órgãos. De acordo com a coodenadora de Gestão de Competências Elisângela Abreu Natividade, da PRGDP, esse curso foi divulgado na escola da  Advocacia Geral da União (AGU) e nas demais instituições. "Rapidamente recebemos manifestações de diferentes órgãos solicitando a inscrição de seus servidores", relata. O diretor de administração do Instituto Federal do Mato Grosso do Sul (IFMS), Felipe Valério Schultz, avaliou que a participação no curso foi importante: "proprociona um balizamento acerca da legislação em torno dos serviços terceirizados, que são demandas que atualmente englobam grande parte dos orçamentos das instituições públicas, em especial as instituições de ensino, além de nos deixar atualizados quanto a legislação atual".

Texto:Melissa Vilas Boas, relações públicas - bolsista Dcom/Fapemig