Ir direto para menu de acessibilidade.
Saúde Mental

Setembro Amarelo: “Bem me quero, bem te quero”

Escrito por Samara Avelar | Publicado: Terça, 10 Setembro 2019 14:14 | Última Atualização: Terça, 10 Setembro 2019 15:36 | Acessos: 753
Gentileza solicitar descrição da imagem

10/9 é o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio. Em referência à data, a Universidade Federal de Lavras (UFLA) dá início a uma campanha de mobilização da comunidade universitária e da sociedade de Lavras, buscando promover diálogo para desmistificar questões sobre o tema e reforçar cuidados importantes com a saúde mental.

A campanha do Setembro Amarelo “Bem me quero, bem te quero” é realizada de forma colaborativa pelo Núcleo de Saúde Mental da Coordenadoria de Saúde da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis e Comunitários (Praec), pelo Projeto Minuto da Saúde e pela Diretoria de Comunicação (Dcom). Os quadrinhos, que abordam iniciativas para preservação da saúde mental e discutem a temática do suicídio nos núcleos familiares e de amigos, foram ilustrados especialmente para o projeto pela estudante do curso de Nutrição da UFLA Letícia Andrade dos Santos Sales.

Além da divulgação nas redes sociais, a campanha contará ainda com rodas de conversa, palestras e atividades junto à comunidade lavrense.  As iniciativas são uma parceria entre UFLA,  Associação Mineira de Psiquiatria (AMP) - Núcleo Sul de Minas e da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB cidadã, de Lavras.

Confira as ações da campanha Setembro Amarelo da UFLA:

18/9 (Quarta-feira) – Roda de conversa no Centro de Convivência da UFLA, das 12h às 13h

28/9 (Sábado) - Palestras sobre suicídio e depressão: “Não silencie, di-VIDA” -
Anfiteatro do Departamento de Agricultura (DAG)

9h – 9h30

Palestrante: Psicólogo Ismael Pereira de Siqueira (Unilavras)

Coordenadora: Kátia Poles – Coordenadora de Saúde - UFLA

9h30 - 10h

Palestrante: Dr. Humberto Corrêa - UFMG / Associação Mineira de Psiquiatria

Coordenadora: Allana Henriques Carvalho-OAB Cidadã

10h – 10h30

Mesa de debates com os palestrantes

Debatedor: Dr. Hugo de Paiva Teixeira Jr - Associação Mineira de Psiquiatria – Sul de Minas

10h30 - Coffee break na área externa com apresentação musical de:

Tatiana Assis e Jean Carlos - Bossa and Jazz.

Inscrições pelo Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., enviando nome completo.

 

29/09 (Domingo)

10h - Mobilização na Praça Dr. Augusto Silva com apresentação musical – orientação ao público e distribuição de camisas e cartilhas

Um problema mundial

O suicídio é a principal causa de morte violenta no mundo, com 11,4 óbitos para cada 100 mil habitantes. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a cada 40 segundos, uma pessoa morre por suicídio. O Brasil é um dos 29 países que não conseguiram reduzir as mortes autoprovocadas no período de 2000 a 2012, de acordo com a OMS, chegando ao equivalente a 32 mortes diárias em 2012, mesmo patamar dos falecimentos decorrentes do HIV.

Os índices também têm crescido entre os jovens. De acordo com a Associação Brasileira de Psiquiatria, o suicídio corresponde a 3% do total de óbitos entre jovens e adultos jovens do sexo masculino.  Na faixa etária dos 15 aos 29 anos, o ato representa 8,5% das causas de morte em todo o mundo, perdendo apenas para os acidentes de trânsito.

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.