Ir direto para menu de acessibilidade.
ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO

Câmpus Paraíso promove Congresso de Iniciação Científica e Extensão com foco em Inteligência Artificial

Escrito por Alana Freitas | Publicado: Segunda, 13 Novembro 2023 10:07 | Última Atualização: Quinta, 16 Novembro 2023 14:14

O Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação da Universidade Federal de Lavras (Ictin-UFLA) realizou o I Congresso Paraíso de Iniciação Científica e Extensão, com foco principal na Inteligência Artificial (IA). O evento ocorreu na última quinta-feira (9/11), em São Sebastião do Paraíso, e fez parte do Congresso Unificado 2023 da UFLA, cujo tema central explorou os desafios e oportunidades da universidade em relação à IA.

O congresso reuniu docentes, discentes da UFLA e participantes externos, com uma programação que incluiu palestras, mesa-redonda e apresentação de resultados de trabalhos  de pesquisa e de projetos de extensão desenvolvidos por estudantes e professores no âmbito do Ictin. O evento concentrou-se em discutir as transformações que a IA está promovendo na educação e no mercado de trabalho, assim como os desafios relacionados à incorporação da IA no cotidiano das pessoas e da sociedade. 

IMG 5863A palestra sobre Inteligência Artificial foi conduzida pelo coordenador de Inteligência e Governança de Dados da UFLA, Flávio Lopes de Morais. Durante a apresentação, ele enfatizou a importância dessa área para a sociedade em geral, abordando desde os conceitos fundamentais até o funcionamento de algoritmos e IA generativa. Além disso, destacou um novo projeto que já está em fase final de desenvolvimento na UFLA em parceria com a Pró-Reitoria de Graduação, que busca auxiliar a instituição na formulação de estratégias para reduzir as taxas de evasão e retenção acadêmica nos cursos de graduação.

"Trata-se de uma solução com modelos de aprendizado de máquina para prever o risco de retenção e evasão dos estudantes da graduação. Os modelos são atualizados diariamente para se adaptarem às variações nos perfis dos estudantes ao longo do tempo. A solução também incorpora uma funcionalidade que permite a análise do impacto de cada variável de forma individualizada em relação às previsões para cada estudante, proporcionando uma visão mais detalhada das relações e relevâncias das variáveis em cenários específicos", destacou Flávio.8a6e5a80 e801 4257 9c74 540ae53a2371

Durante um bate-papo com o público, o professor do Departamento de Automática e pró-reitor adjunto de Extensão e Cultura da UFLA, Danton Diego Ferreira, e o professor Augusto Santiago Cerqueira, da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), destacaram como a IA pode ser aplicada em áreas da saúde, agricultura, monitoramento de sistemas elétricos e energias renováveis. Os convidados  abordaram temas que envolveram física quântica e experimento de aceleração de partículas.

O evento também foi espaço para apresentar uma nova ferramenta da UFLA, iniciativa da Pró-Reitoria de Pesquisa, desenvolvida pelo professor do Ictin Neumar Costa Malheiros. A plataforma Multilab.UFLA tem o objetivo de ampliar a visibilidade e facilitar o compartilhamento da infraestrutura de pesquisa multiusuários da UFLA. O professor explicou que, por meio da ferramenta, a comunidade interna e demais usuários agora vão poder consultar equipamentos, serviços e laboratórios que se encontram disponíveis na Universidade para uso coletivo. 

87bd1e9d 6081 4658 a18d b3d8d7b9945fAo todo, foram sete apresentações de trabalhos de iniciação científica e seis trabalhos extensionistas desenvolvidos no câmpus Paraíso. As apresentações de pesquisa abordaram temas diversos, desde funções matemáticas em práticas de física à criação de um sistema de irrigação agrícola. Na extensão, os trabalhos tiveram como foco a inovação e o empreendedorismo em projetos articulados com as necessidades da região de São Sebastião do Paraíso. Os trabalhos foram submetidos a uma banca avaliadora composta por professores do câmpus Paraíso. Ao final do evento, os estudantes com maior pontuação receberam cumprimentos e premiações.

A professora Juliana Nunes Santos, coordenadora dos programas de iniciação científica do Ictin, destacou sua satisfação com os resultados do congresso, com boas expectativas para o próximo ano. "Incentivar talentos e despertar a vocação científica são dois dos principais desafios na prática docente. Eventos como esse são estratégicos para sensibilizar e mobilizar os estudantes na busca de soluções para os problemas da sociedade. Ficamos extremamente felizes com os resultados dessa primeira edição e esperamos que esse evento cresça ainda mais no futuro”, afirmou. 

 

 

 
Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.