Ir direto para menu de acessibilidade.
PROJETO COTTON VICTORIA

Técnicas de produção de algodão ensinadas pela UFLA são disseminadas na África

Escrito por Gláucia Mendes | Publicado: Segunda, 03 Agosto 2020 15:20 | Última Atualização: Terça, 11 Agosto 2020 13:56 | Acessos: 386
Gentileza solicitar descrição da imagem
Mulheres da parceira “ONG Solidariedade Feminina de Maniema/RDC” preparando Biofertilizante comunitário

Os saberes compartilhados pela UFLA com produtores de algodão africanos por meio do projeto Cotton Victoria estão sendo disseminados entre as comunidades locais dos países da Tanzânia e do Burundi. Nos meses de junho e julho, cotonicultores e administradores de governos locais e comunais promoveram Dias de Campo para a demonstração prática de diversas técnicas.

Os Dias de Campo são realizados nas Unidades Tecnológicas Demonstrativas (UTDs), localizadas nas regiões de plantio de algodão e consideradas vitrines regionais de novas tecnologias. As demonstrações ocorrem no momento da colheita de algodão, propício para a transmissão prática dos conhecimentos.

O projeto Cotton Victoria começou em 2016 e envolve Quênia, Tanzânia e Burundi. A iniciativa é desenvolvida pela ABC em parceria com os governos desses três países, com a UFLA e com o apoio do Instituto Brasileiro do Algodão (IBA) e do Programa nas Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Na UFLA, o projeto é coordenado pelos professores Pedro Castro Neto (Departamento de Engenharia) e Antonio Carlos Fraga (Departamento de Agricultura)

 

Saiba mais sobre os Dias de Campo do projeto Cotton Victoria

Confira uma das técnicas aprendidas pelos produtores em curso oferecido pela UFLA

Saiba mais sobre o projeto Cotton Victoria

 

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.