Ir direto para menu de acessibilidade.

PRP divulga resultado de edital do Programa de Apoio à Formação de Redes de Pesquisa em Áreas Estratégicas

Escrito por Ana Eliza Alvim | Publicado: Sexta, 15 Junho 2018 08:00 | Última Atualização: Quarta, 04 Julho 2018 14:42 | Acessos: 687

A Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade Federal de Lavras (PRP/UFLA) divulgou o resultado do edital PRP nº 04/2018, referente ao Programa de Apoio à Formação de Redes de Pesquisa em Áreas Estratégicas. A proposta classificada em primeiro lugar é coordenada pelo professor do Departamento de Engenharia (DEG) Adriano Viana Ensinas, com participação de pesquisadores, estudantes e técnicos administrativos DEG, do Núcleo de Estudos em Empreendedorismo ligado ao Departamento de Administração e Economia (Neemp/DAE) e da Agência de Inovação do Café (Inovacafé). Trata-se de um projeto que prevê o estudo de novas arquiteturas de construção, uso e manutenção de máquinas de café expresso do tipo automatizadas, focadas na venda em larga escala e qualidade de preparo da bebida.

A seleção das propostas foi feita por uma comissão nomeada pela PRP por meio da Portaria nº 002, de 14 de maio de 2018. De acordo com o pró-reitor de Pesquisa, professor Teodorico Ramalho, a análise foi um desafio, já que todas as propostas demonstraram muita maturidade científica e transversalidade entre as diferentes áreas do conhecimento. “A PRP, mais uma vez, agradece a participação e contribuição de todos os grupos de pesquisa proponentes. De fato, parabenizamos todas as equipes envolvidas pelas inovadoras soluções propostas para o desafio apresentado.”

De acordo com o edital, o projeto selecionado receberá apoio financeiro no valor de 30 mil reais.

Programa de Apoio à Formação de Redes de Pesquisa em Áreas Estratégicas

Com o Programa, inédito na instituição, a Direção Executiva da UFLA busca contribuir para o desenvolvimento de estudos científicos considerados estratégicos, que apresentem soluções e novas tecnologias para problemas atuais, sob esforços coordenados de forma multidisciplinar, envolvendo diferentes áreas do conhecimento. São também objetivos do Programa a inserção de novos pesquisadores em grupos de pesquisa já consolidados; a formação de novos grupos de pesquisa e o estímulo ao surgimento de redes colaborativas entre professores da UFLA.

A linha temática definida para esta edição do Programa - “Consumo de café em instituições públicas: sustentabilidade e qualidade no método de preparo de café em larga escala” - buscou estimular o desenvolvimento de um método ou tecnologia de preparo de café capaz de solucionar o desafio hoje vivido por instituições públicas que têm alto consumo da bebida. As tecnologias atualmente disponíveis exigem investimentos financeiros altos ou mesmo não atendem ao quesito sustentabilidade – como é o caso do café em cápsulas, que tem utilização questionada em função de as cápsulas não serem biodegradáveis e serem de difícil reciclagem. É, então, necessário conciliar preservação da qualidade do café durante o preparo, sustentabilidade e baixo custo. Ao final do prazo de execução do projeto selecionado, espera-se chegar a uma solução, inclusive com possibilidade de geração de patente.

O pró-reitor de Pesquisa explica que a escolha do tema para este primeiro edital baseou-se na extensa trajetória de tradição da UFLA na pesquisa com café, o que garante à instituição e seus pesquisadores competência especializada para avançar com a geração de tecnologias. “A intenção, pelo Programa, é que um novo edital seja publicado anualmente, lançando novas temáticas estratégicas. Há apenas a dependência da disponibilidade de recursos”, diz.

O Programa de Apoio à Formação de Redes de Pesquisa em Áreas Estratégicas, de acordo com a PRP, além de editais temáticos, deverá incluir a realização de workshops na Universidade, também para discutir temáticas complexas, com envolvimento de equipes de diferentes áreas dedicadas aos temas.