Ir direto para menu de acessibilidade.
Produção Científica

Professor da UFLA lança livro sobre Gestão Social em língua espanhola

Escrito por Joyce | Publicado: Terça, 17 Dezembro 2019 11:00 | Última Atualização: Terça, 17 Dezembro 2019 11:04 | Acessos: 1040
Gentileza solicitar descrição da imagem

O professor do Departamento de Administração e Economia (DAE) da Universidade Federal de Lavras (UFLA) José Roberto Pereira publicou, juntamente com os pesquisadores da Airton Cardoso Cançado, da Universidade Federal do Tocantins (UFT), e Fernando Guilherme Tenório, da Fundação Getúlio Vargas (EBAPE-FGV), o livro “Gestión Social: epistemología de un paradigma” na língua espanhola. Os autores lançaram a obra durante o “Io Encuentro Internacional de Gestión Social en Equador”, que ocorreu entre os dias 27 e 30/11 na Escuela Politécnica Nacional e na Univerdad Andina Simon Bolívar, localizadas na cidade de Quito, e na Univerdad del Azuay, na cidade de Cuenca, Equador.

A primeira e segunda edições do livro na versão em português foram publicadas pela editora CRV. Já na versão em língua espanhola, pela editora Casa Editora da Universidad del Azuay, localizada na cidade de Cuenca, no Equador. A obra é resultado da tese de doutorado do professor Airton Cardoso Cançado, defendida em 2011 no Programa de Pós-Graduação em Administração da UFLA (PPGA/UFLA) e orientada pelo professor José Roberto Pereira.

O conteúdo do livro trata da construção paradigmática da gestão social no Brasil, uma inovação conceitual no contexto da produção científica na área de conhecimento da administração. De acordo com o pesquisador José Roberto Pereira, que está à frente das pesquisas sobre o tema no âmbito da UFLA e é autor de diversos artigos em periódicos nacionais e internacionais, gestão social “diz respeito às ações gerenciais dialógicas voltadas para a construção do bem comum, próprias do protagonismo da sociedade em relação ao Estado e ao mercado.”

Durante o evento, José Roberto Pereira também ministrou um curso de “Gestión Social: conceptos y metodologias”, participou da mesa de debate sobre “Gestión Social: teoría y práctica” e da mesa “Gestión Social: perspectivas y desafios” com pesquisadores da Colômbia e do Equador.

Com a colaboração de Ana Carolina Rocha