Ir direto para menu de acessibilidade.
COMETA NEOWISE

Cometa Neowise pode ser observado em Lavras e região - confira os melhores horários

Escrito por Caroline Souza | Publicado: Quinta, 23 Julho 2020 17:35 | Última Atualização: Sexta, 24 Julho 2020 13:04 | Acessos: 1470
Gentileza solicitar descrição da imagem

O pôr do sol da tarde desta quinta-feira (23/7) contará com a presença do cometa Neowise, que poderá ser observado em todo hemisfério sul até dia 3/8. De acordo com os professores do Departamento de Física da Universidade Federal de Lavras (DFI/UFLA) Karen Luz Burgoa Rosso e José Nogales, é recomendado o uso de binóculos (tomando o cuidado de não olhar de binóculos para o Sol, pois isso pode provocar queimadura nos olhos), mas dependendo das condições atmosféricas e da dinâmica do próprio cometa será possível a observação a olho nu. 

O Neowise foi descoberto, por meio de satélite da Nasa, em março deste ano. Karen explica que “o horário para ficar atento é logo na hora do pôr do sol. O cometa poderá ser observado em Lavras e região seguindo a trajetória noroeste, isto é, do norte indo para o sul, traçando um percurso de mergulho ao longo do horizonte”.cometaneowisejulho

Propriedades materiais do cometa que podem te surpreender

A palavra cometa tem origem latina e significa "cabelos compridos”. As porções sólidas consistem principalmente de água, gelo e partículas de poeira, incorporadas, que ficam inativas quando estão longe do sol. Quando se aproximam do calor, as superfícies geladas dos cometas se evaporam, emitindo grandes quantidades de gás e poeira, que formam toda sua atmosfera, e também sua cauda, que pode apresentar vários quilômetros. A cabeça brilhante pode, em alguns casos, ser maior que um planeta e sua luminosidade depende da dinâmica de calor e vaporização.

Segundo a NASA, mais de 3.650 cometas são reconhecidos, embora existam milhões deles orbitando o sol. “Os cometas mais previsíveis são de curto período e levam menos de 200 anos para completar sua trajetória em torno do sol”, relatou a professora Karen. Entre  os cometas de curto período, o mais famoso é o Halley, que reaparece a cada 76 anos e poderá ser observado novamente em 2062.

Os cometas de largo período podem ser encontrados na nuvem de Oort, que é uma grande concentração de corpos celestes que se encontra aproximadamente há um ano-luz do sol.

Karen finaliza explicando que “os astrônomos procuram nos cometas pistas importantes sobre a formação do sistema solar e é possível que eles tenham trazido água e outros compostos orgânicos para nosso planeta Terra”.

Acesse o link para mais informações sobre o cometa.

Confira os melhores horários para observação do Neowise:

18h15 - 18h45 dia 24/7

18h15 - 18h50 dia 25/7

18h15 - 19h15 dia 26/7

18h15 - 19h35 dia 27/7

18h15 - 19:55 dia 28/7

18h15 - 20:15 dia 29/7

18h15 - 20:20 dia 30/7

Texto: Caroline Batista - Bolsista Comunicação / UFLA

 

Assunto(s): cometa , neowise , DFI

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.