Ir direto para menu de acessibilidade.
Melhoramento Genético

UFLA alcança novos avanços em melhoramento genético, com o objetivo de produzir bovinos com alta produtividade

Escrito por Greicielle Santos | Publicado: Terça, 22 Setembro 2020 08:00 | Última Atualização: Segunda, 21 Setembro 2020 16:24 | Acessos: 367
Gentileza solicitar descrição da imagem

Com o objetivo de criar bovinos altamente produtivos , o Grupo de Melhoramento Animal e Biotecnologia da Universidade Federal de Lavras (Gmab/UFLA), com a orientação da professora do Departamento de Zootecnia (DZO) Sarah Laguna Conceição Meirelles, realiza atividades relacionadas ao melhoramento genético animal e às biotecnologias empregadas.

Este ano, eles avançaram ainda mais nas pesquisas realizadas e o rebanho da raça Tabapuã ingressou no Programa de Melhoramento Genético da Raça Tabapuã (PMGRT), coordenado pela Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP). A professora Sarah Meirelles explica que o ingresso desse rebanho em um programa de nível nacional é o reconhecimento da qualidade das pesquisas realizadas pelo grupo de estudos; além disso, possibilita avanços no melhoramento genético realizado pela Instituição.

 “O intuito de participar de programas de melhoramento genético é conseguir ter uma avaliação genética dos animais. Ao conhecer essa avaliação genética, é possível conhecer os animais geneticamente superiores e direcionar melhor os acasalamentos. Dessa formaobter progresso genético nas características nas gerações seguintes, ou seja, melhorar a média de características de interesse econômico ao longo de tempo”, explica a pesquisadora.

Em 2019, duas fêmeas bovinas receberam Certificado de Superioridade Genética (CSG). O rebanho da raça Tabapuã foi inserido no Programa de Melhoramento Genético de Zebuíno (PMGZ) em 2013. “Esses programas de melhoramento genético são muito importantes, porque eles aumentam a precisão da seleção, garantindo que esses animais escolhidos para reprodução sejam realmente os de melhor qualidade genética e consequentemente de melhor desempenho para essas características de importância econômica”, ressalta a professora.

Texto: Greicielle Santos - Licenciada em Letras, bolsista Colunicação/UFLA

Atenção! As notícias mais antigas (anteriores a Maio/2018) estão disponíveis em nosso repositório de notícias no endereço www.ufla.br/dcom.