Ir direto para menu de acessibilidade.
PÓ DE BETERRABA

Beterraba em pó: Pesquisa utiliza extrato da hortaliça para produzir pós que podem ser utilizados em diferentes tipos de alimentos

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Terça, 03 Agosto 2021 14:56 | Última Atualização: Terça, 03 Agosto 2021 14:56 | Acessos: 520

Pesquisa foi a primeira defesa do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos da Universidade Federal de Lavras (PPGEAL/UFLA)

Uma hortaliça comum na mesa dos brasileiros ganhou um novo formato: em pó. Pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos da Universidade Federal de Lavras (PPGEAL/UFLA) transformaram a beterraba que conhecemos em micropartículas, utilizando uma técnica chamada de spray chilling, forma de aproveitar resíduos resultantes dos descartes e das perdas da pós-colheita.

Rica em vitaminas A, B, C e minerais como sódio, potássio, zinco, magnésio e ferro, a beterraba também é conhecida por conter substâncias antioxidantes denominadas betalaínas, que são responsáveis por sua coloração vermelha arroxeada. As betalaínas impedem ou retardam processos de oxidação, e apresentam efeitos benéficos à saúde humana, sendo empregadas pelas indústrias como corante natural.

 Leia a reportagem completa no Portal da Ciência e saiba mais.