Ir direto para menu de acessibilidade.
Prêmio

Artigo em parceria com a UFLA ganha 1º Prêmio Nacional de Espeleologia Michel Le-Bret

Escrito por Comunicação UFLA | Publicado: Terça, 08 Março 2022 12:10 | Última Atualização: Terça, 08 Março 2022 12:14 | Acessos: 696
vista da Serra de São José
Vista da Serra de São José em Tiradentes ( Foto: Sonia Rigueira - Agência Minas)

O artigo "Caracterização espeleológica e sedimentar de uma caverna do maciço quartzítico Serra São José, Minas Gerais" venceu o I Prêmio Nacional de Espeleologia Michel Le-Bret, promovido pelo Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (Cecav/ICMBio) em parceria com a Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE).

O trabalho, de autoria da mestranda Liliane de Jesus Brandão da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), conta com a participação do professor Rodrigo Lopes Ferreira, do Instituto de Ciências Naturais da Universidade Federal de Lavras (ICN /UFLA) e do doutorando do Programa de Pós-Graduação em Ecologia Aplicada da UFLA Rafael Costa Cardoso. 

A premiação ocorreu na categoria “Seção Acadêmica Pós-Graduação”. Liliane é orientada pelo professor Alexandre Christófaro Silva (UFVJM), também co-autor do trabalho, juntamente com o geógrafo Roberto Franco (Prados Vertical Speleo), e os pós-doutorandos Diego Tassinari (UFVJM) e Camila Rodrigues Costa (UFVJM).

O prêmio será entregue no 36º Congresso Brasileiro de Espeleologia (CBE) que será realizado no dia 21 de abril de 2022.  A premiação dará aos vencedores o direito de ter seus artigos científicos publicados na Revista Brasileira de Espeleologia (RBEsp) ou na Revista Espeleo-Tema, além de uma quantia paga em dinheiro. A iniciativa visa incentivar o desenvolvimento e a publicação de pesquisas científicas, inventários e soluções técnicas direcionadas para a conservação dos ecossistemas cavernícolas e espécies associadas, assim como auxiliar no manejo das Unidades de Conservação Federais com esses ambientes.

O artigo em parceria com a UFLA traz uma análise sedimentológica e estratigráfica de depósitos sedimentares encontrados em uma caverna localizada na Serra de São José, região de Tiradentes (MG), São João del-Rei (MG) e Prados (MG). De acordo com os autores, há poucas informações sobre este tema para cavernas quartzítico, destacando a importância da pesquisa para a área de espeleologia.