Ir direto para menu de acessibilidade.
CULTIVARES TESTADAS

Estudo científico inédito mostra potencial de expansão do cultivo de trigo no Nordeste

Escrito por Gustavo Silva | Publicado: Terça, 06 Dezembro 2022 17:39 | Última Atualização: Quinta, 08 Dezembro 2022 13:46
Gentileza solicitar descrição da imagem

Pesquisa científica realizada por meio de uma parceria entre a Universidade Federal de Lavras (UFLA), o Instituto Federal do Ceará (IFCE) e a Embrapa demonstrou que é possível produzir grande quantidade de trigo na região do semiárido cearense. Os resultados são importantes porque a cultura do trigo é muito bem estabelecida em regiões temperadas e subtropicais, mas as regiões de baixa latitude, como é o caso do semiárido, são consideradas um desafio para esse cultivo.

O estudo científico avaliou como oito cultivares de trigo reagem ao clima semiárido da Caatinga, observando-se as transformações estruturais da planta em relação ao clima, relevo, umidade do ar e precipitação pluvial. Os resultados obtidos foram considerados bastante promissores, pois revelaram cultivares com alta adaptabilidade ao ecossistema da região. Com isso, a expectativa é de que a planta passe a ser cultivada em regiões mais tropicais, já que demonstrou ter enorme potencial de crescimento nesse bioma, onde a região do Matopiba, do estado Ceará, por exemplo, possuí 73 milhões de hectares agricultáveis.

Leia a matéria completa no Portal da Ciência UFLA.

Portal da Ciência - Universidade Federal de Lavras
Coronavírus Covid-19: É importante de informar e prevenir. ufla.br/coronavirus
FalaBR: Pedidos de informações públicas e manifestações de ouvidoria em um único local. Sistema Eletrônico de Informações ao Cidadão (e-SIC) e Ouvidoria.