Ir direto para menu de acessibilidade.
POR MAIS IGUALDADE

Pesquisadoras da UFLA investigam edital científico que pontua docentes que tiraram licença-maternidade

Escrito por Pollyana Dias | Publicado: Quinta, 15 Abril 2021 16:38 | Última Atualização: Segunda, 16 Agosto 2021 10:42 | Acessos: 347
Gentileza solicitar descrição da imagem

No Brasil, a responsabilidade pelo cuidado com os filhos recai majoritariamente sobre os ombros da mãe. E essa divisão desigual sobre o que a mulher pode e deve fazer é um dos entraves para o desenvolvimento de sua carreira, inclusive na docência e na ciência. Para ajudar a combater esse desequilíbrio, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) disponibiliza, a partir desta quinta-feira (15/4), um campo específico no Currículo Lattes para pesquisadoras mães indicarem o período no qual usufruíram da licença-maternidade ou adotante. A decisão atende a uma reivindicação do Movimento Parent in Science, que possui duas embaixadoras da UFLA.

Leia a reportagem completa no Portal da Ciência.